Esta marca de roupa não só faz roupas para cadeirantes, promove também acessibilidade em sua comunidade

“Não é mais sobre as impressões que você compra. É sobre as impressões que você deixa”. Esse é o lema do The Garden, uma agência criativa, sediada em Toronto, que está tentando fazer uma mudança produtiva na sociedade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Como parte de seus esforços, eles estão introduzindo uma empresa que tem dedicado os seus serviços para a criação de roupas sofisticadas, de alta-costura e funcionalmente acessíveis para a cadeirantes.

A empresa é chamada IZ está abordando um problema de acessibilidade mais amplo através da moda e consciência.

O nome IZ é a abrebiação de Izzy, em homenagem ao fundador da empresa, o renomado Izzy Camilleri. Camilleri é um designer de moda canadense que vem atraindo clientes de todo o mundo com seus projetos inovadores nos últimos 30 anos.

O The Garden é uma parceria com IZ para aumentar a acessibilidade na América do Norte. “Mas o que foi surpreendente para nós é o quão pouco realmente está sendo feito sobre as questões de acessibilidade mais amplas para cadeirantes em todo o mundo “, disse Shari Walczak, co-fundador do The Garden.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O The Garden viu uma oportunidade no IZ para espalhar a consciência e fazer impressões reais. Neste ponto, eles propuseram uma mudança de modelo de negócio com uma iniciativa chamada Access10.

Essencialmente, esta empresa começou um movimento para levantar fundos para projetos destinados a aumentar a acessibilidade. Com cada produto adquirido, a IZ vai dar 10% do total das suas vendas brutas para esses projetos.

A maior parte das receitas vão para empresas com o objetivo de construir rampas de mobilidade em comunidades em toda a América do Norte. As rampas são construídas a partir de materiais de cores vivas, a fim de chamar mais a atenção para a causa.

Além disso, nas redes sociais, lançaram a campanha #FashionIZFreedom para incentivar a compra de uma linha de camisetas, cujas vendas são 100% convertidas para a construção de rampas.

fashion-iz-freedom-psfk

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

iz-mens-collection-psgk

wheelchair-fashion-iz-psfk

Fonte: PSFK

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Esta marca de roupa não só faz roupas para cadeirantes, promove também acessibilidade em sua comunidade 3

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,970,307SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino de 9 anos com leucemia aguda realiza sonho de se “tornar policial” por um dia

Há alguns meses, o pequeno Gonzalo, de 9 anos, foi diagnosticado com leucemia linfoide aguda, um tipo de câncer do sangue e da medula...

Jovem vendedor que teve mesa roubada em MG ganha vaquinha para ter sua própria banca de doces

Carlos Daniel tem apenas 13 anos, mora com seus pais e seus 6 irmãos menores. Ele tem déficit de atenção, e na pandemia, para...

“Geladeira cultural” leva leitura para crianças de comunidades carentes de Porto Velho (RO)

Alguns dias atrás, a cidade de Porto Velho (RO) ganhou um projeto de leitura chamado "Geladeira Cultural", que busca estimular o aprendizado de crianças...

Em breve teremos emojis de pessoas com deficiência

Nos novos ícones há aparelhos auditivos, pessoas em cadeiras de rodas, cães-guia e braços e pernas mecânicas.

Jovem que vive com venda de balas tem mercadoria apreendida pela prefeitura e internautas ajudam com vaquinha

A Priscila Gomes é uma jovem de 18 anos que que trabalha vendendo balas no semáforo no Rio de Janeiro. Para ajudá-la, criamos uma vaquinha...

Instagram

Esta marca de roupa não só faz roupas para cadeirantes, promove também acessibilidade em sua comunidade 4