McDonald’s contrata mãe para que filha com deficiência intelectual trabalhe melhor

Clique e ouça:

A jovem Ana Paula Cirilo, de 23 anos, nasceu com uma deficiência intelectual de origem congênita. A mãe, Maria da Conceição Cirilo, abdicou da própria vida para cuidar dela.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Apesar da doença, Ana foi paratleta por 11 anos. Ela disputou diversas competições de velocidade e também foi saltadora em distância. Mas, há quatro anos, ela abandonou o esporte para trabalhar com carteira assinada, numa franquia do McDonald’s.

A mãe costumava acompanhar a filha da casa para o trabalho e buscá-la no final do expediente. O início não foi fácil, Ana, devido à doença, tinha convulsões e a mãe era acionada. Quando ela passava mal, Maria da Conceição tinha que abandonar tudo o que estava fazendo para levar a filha ao hospital.

Foi assim durante dois anos, até o dia que a gerente do restaurante encontrou uma solução: contratar Maria da Conceição para trabalhar no mesmo local e horário da filha. Dessa forma, ela poderia acompanhar de perto a rotina de Ana Paula. Esse é o segundo emprego da dona de casa com carteira assinada.

“Ela se sente mais segura com a mãe por perto e com isso seu rendimento melhorou muito. As duas são ótimas funcionárias”, afirma a gerente Gilma Oliveira.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ana Paula é só gratidão ao esforço da mãe que não trabalhava para cuidar dela. “Ela abdicou da vida para ficar ao meu lado, para cuidar de mim. E agora trabalhar ao lado dela e ver a sua felicidade, também me deixa muito feliz.”

Maria da Conceição conta que a vida mudou depois que voltou a trabalhar. Até então, ela trabalhava em casa de família, lavando roupa ou cuidando de crianças, mas sempre de olho em Ana Paula. “Quando o telefone tocava já ficava com o coração na mão. Agora estou sempre perto da minha filha. A gente vem e volta para trabalhar juntas, é uma grande felicidade”, afirmou.

“Também me sinto realizada em ter tido uma chance. Na época, eu estava com 52 anos e tive a oportunidade de ter meu primeiro emprego com carteira assinada. Não me sentia capaz. Mas acreditaram em mim e hoje sou muito feliz e agradecida”, falou Conceição.

Mas, elas têm mais um motivo para estarem felizes. Ana Paula descobriu que está grávida de seis meses da pequena Ana Júlia.

Veja também: Funcionária se atrasa, pede demissão, mas patrão surpreende com atitude louvável

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações do jornal novo / Foto: Reprodução

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,074,367FãsCurtir
2,422,376SeguidoresSeguir
20,447SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Confeiteira é humilhada por cobrar taxa de entrega de R$2 e recebe apoio de internautas

A confeiteira Ângela Oliveira foi humilhada por uma cliente que se recusou a pagar a taxa de entrega do seu bolo de pote. Na troca...

Policial compra bolo de aniversário para jovem que chorava por terem esquecido a data

O que você faria se todo mundo que você conhecesse esquecesse de seu aniversário? Esta situação, hipotética para muitos, aconteceu com um garoto tailandês....

Sogro anda de mãos dadas com genro para ajudá-lo a superar medo de sair na rua com o namorado

Fran guarda algumas memórias ruins de um passado recente, quando ele sofreu preconceito por ser homossexual. O jovem foi agredido fisicamente, além de ter passado...

Após 8 anos presos em gaiolas, leões de circo são resgatados e pisam na grama pela primeira vez

Não é de hoje que percebemos uma mudança radical nos cuidados aos animais de circo. O público tem cobrado mais responsabilidade com espaço, alimentação...

Internautas impedem falência de camisaria de idoso e vaquinha arrecada mais de R$50 mil em menos de 24h

Genteee, conseguimos! Batemos a meta da vaquinha pro Seu Pedroso não perder sua pequena camisaria, que ele tem há 75 anos. A história do vovô...

Instagram

McDonald's contrata mãe para que filha com deficiência intelectual trabalhe melhor 14