Mecânico faz brinquedos de papelão nas horas vagas e doa a crianças e adultos

O mecânico William César Martins, 41 anos, usa a sua criatividade e empatia pelas pessoas para produzir brinquedos feitos a partir de materiais recicláveis (papelão, arames, madeira etc.) que são doados a quem tiver interesse, desde crianças até adultos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No ano passado, William doou mais de 30 carrinhos para pessoas desconhecidas. “Elas passam, se interessam e aí eu pergunto: “Você quer?” Ah, eu vejo felicidade no rosto delas”, conta.

O mecânico vive em Brasília, mas morou até os 8 anos em Minas Gerais. Aos 5 anos, ele já fazia artesanatos para se divertir com latas de sardinha e chinelos velhos.

Ele começou a desenvolver a técnica de fazer carrinhos, robôs, entre outros brinquedos, com papelão na capital federal: “Na época do colégio, quando uma professora pediu para fazer uma maquete da Esplanada, usei uma caixa de pasta de dente e uma de fósforo. Foi quando eu tomei gosto pelo artesanato”, relembra. “O que antes era uma alegria, hoje virou um hobby, uma paixão, algo que ocupa um pouco do meu tempo.”

brinquedos
(Foto: Jéssica Nascimento/G1)

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também:

Camareira em hotel de SP deixa bilhete de boas-vindas mais afetuoso que você já viu

Lealdade: Labrador de menino autista não sai de perto dele nem no hospital

Caixas do Sul (RS) instala ponto de ônibus com teto verde que produz energia solar

via [Correio Braziliense]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,493,634SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Como a meditação reabilitou presidiários na maior prisão da Índia

A maior parte dos presos, submetem-se a uma profunda mudança, vendo o fato de estarem encarcerados como o recomeço de uma nova vida.

Pílulas contra Covid-19: Empresa de Israel testa eficácia de novo método

A empresa israelense Oramed Pharmaceuticals iniciou seus testes em uma nova vacina contra a Covid-19. Mas, desta vez, ela será um pouco diferente: em...

Ivete Sangalo compra todo algodão doce de vendedor e o convida para subir no trio

A cantora baiana não cansa de nos dar motivo para amá-la ainda mais, dessa vez foi com o que fez com um vendedor de...

Irmãos homenageiam pais surdos com tatuagem em Libras

Para homenagear os pais, que são deficientes auditivos, eles tatuaram "Eu Te Amo" e "Família" em Libras.

Escola de Goiás educa meninos fora da cultura do machismo

A cultura do machismo ainda está enraizada em vários cantos do país do mundo, mas iniciativas começam a desconstruir tudo isso. Na Escola de Ser,...

Instagram