Hoje médica, filha de gari recebe primeiro salário e começa a ajudar o pai

kickanteNo ano passado, contamos aqui a história do gari que formou sozinho a filha em medicina.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

  • O livro Seu Sonho tem Futuro veio para que você viva seu sonho e crie renda extra, sem gastar dinheiro próprio!

A médica Aline de Castro Pereira recebeu seu primeiro salário e já está ajudando o pai, o gari Tales Pereira, de 63 anos.

“Quando eu recebi meu primeiro salário liguei para ele, eu fiquei chorando e ele emocionado também. Já fui ajudando, já coloquei um portão eletrônico na casa, pedi para ele deixar eu pagar algumas coisas aqui. No começo ele não queria deixar, mas fui convencendo. Primeira coisa que eu fiz foi comprar uma rede para ele, o primeiro presente foi esse”, lembrou.

pai-gari

O pai comentou que hoje se sente realizado vendo a filha concretizando seu sonho.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Eu sinto orgulho dela. Quando ela estiver precisando e eu estiver com vida, mesmo depois de casada, eu vou estar lá ainda para o que ela precisar. Pai não cria filho pra si. Ela diz que eu não vou ficar sozinho não. Quando ela conseguir comprar algum imóvel, vai me levar para morar do lado dela”, afirmou.

Aline vai comprar um apartamento para o pai morar perto dela. “Ele fala que não vai morar em apartamento, mas quando eu tiver o meu vou comprar um pra ele em baixo ou em cima do meu”, contou.

rede

A jovem está fazendo residência em clínica médica para depois se especializar em gastroenteorologia.

“Não me vejo fazendo outra coisa, se eu tivesse feito outro curso, não sei se estaria plenamente feliz como estou hoje. Eu estou começando a viver agora o dia a dia da profissão e é muito gratificante ver o paciente melhorar, ver que você pode fazer a diferença na vida de alguém”, pontuou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para quem não se lembra, Tales assumiu os cuidados da filha quando ela tinha 9 anos. Ele decidiu mantê-la na escola particular na qual a mãe, que veio a falecer por causa de um câncer no estômago, havia matriculado para que ela tivesse uma boa base estudos.

pai-gari2

“Quando ela começou a estudar, a minha esposa colocou ela no jardim em um colégio particular. A mãe dela adoeceu, faleceu e eu não tirei. Era uma escola boa, católica e ela ficou lá até o final do ensino médio, então ela teve uma base boa. Ela é guerreira”, disse Tales.

Com informações do G1

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E se você também tem um sonho, este livro te ajudará a dar o próximo passo.

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,758,975SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professor nina bebê para que aluna pudesse assistir aula no Piauí

Ser mãe e estudar ao mesmo tempo não é uma tarefa fácil, por isso tantas mulheres acabam desistindo de estudar, por falta de condições...

Após 31 anos, pai biológico conhece filha e faz festa

Uma emoção difícil de descrever com palavras. Assista ao vídeo!

Em SP já é possível pagar a conta de Luz com seu lixo

Com apenas um ano de vida o projeto “Recicle mais, pague menos” da empresa AES Brasil surpreendeu. O projeto nasceu timidamente na cidade de...

Paris ganha mictórios públicos que transformam urina em adubo

Um dos grandes problemas durante grandes festas de rua é que os mictórios nunca são suficientes e muita gente faz xixi em qualquer lugar. Mas,...

Segurança de metrô tranquiliza garoto autista e o acompanha até a porta de casa

Taylor Pomilla costuma dizer que seu filho, Andrew, "têm dias bons e ruins, como qualquer criança", mas que ela precisa "estar muito bem preparada...

Instagram