Medicamento revolucionário contra a doença de Parkinson chega ao Brasil

Chegou ao Brasil um medicamente em forma de adesivo que promete melhorar a qualidade de vida de pacientes com a doença de Parkinson. Após ser aplicado sobre a pele, o “Neupro” libera a medicação de forma estável e contínua durante 24 horas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Suas principais vantagens são que o paciente não precisa lembrar a hora exata de tomar o medicamento e o do seu efeito substituir até 8 comprimidos que os pacientes com o estágio mais elevado da doença são obrigados a tomar. O remédio entra direto na pele, sem passar pelo trato gastro-intestinal, evitando que o paciente sinta náuseas.

O Neupro é um medicamento agonista dopaminérgico, que age diretamente nos receptores de dopamina – neurotransmissor responsável pelos movimentos -, controlando os distúrbios motores.

O adesivo deve ser aplicado sobre a pele limpa, seca e saudável nas áreas dos ombros, braços ou abdômen e deixá-lo por 24 horas no mesmo local.

Atualmente, mais de 190 mil pacientes são tratados com o medicamento ao redor do mundo. Disponível em 40 países (incluindo agora o Brasil), ele é produzido pelo laboratório UCB, de Bruxelas, Bélgica. O valor do medicamento ainda não foi revelado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações do Só Notícia Boa

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,429,587SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Caixa de supermercado paga compras de idoso após ele ter cartão recusado

Após presenciar a cena, o cliente relatou o ato de generosidade do caixa em um post no Facebook.

Jovem estudante de moda cria loja para moradores de rua em Florianópolis

Muitas pessoas são traumatizadas com o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso). Mas não Jaqueline Soares Lopes, 22, que fez de seu projeto de moda...

Estudantes baianas desenvolvem dispositivo capaz de detectar doenças através do sopro

As estudantes Julia Nascimento e Natália Nascimento, naturais de Feira de Santana, na Bahia, desenvolveram um dispositivo eletrônico capaz de identificar pelo menos 15 doenças...

Gaúcho cria delivery de brinquedos e distribui presentes de Natal às crianças carentes

Conhecido pelas iniciativas em prol dos mais vulneráveis, o gaúcho Kaká D'Avila criou um delivery de brinquedos para distribuir presentes de natal às crianças...

Vídeo de 30 segundos mostra tranformação de 3 anos de adolescente trans

Com apenas 21 anos, o britânico trans Jamie Raines tomou uma corajosa decisão, compartilhar com o mundo, através de um canal no YouTube, todo seu...

Instagram