Médicos fazem o primeiro transplante de coração morto da história

Descrito como o maior avanço no transplante de coração da década, a cirurgia bem sucedida tem profundas implicações na redução da escassez de órgãos doadores. Anteriormente, o procedimento era realizado unicamente quando o doador do coração era um paciente cerebralmente morto, cujo coração ainda batia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas uma clínica recentemente transplantou dois corações que foram doados após a morte circulatória, quando o coração já não bate mais e em ambos os casos, os pacientes estão se recuperando bem.

coracao-morto-2

A primeira pessoa a ter feito o procedimento foi Michelle Gribilar, 57 anos, de Campsie, que estava sofrendo de insuficiência congênita e fez a cirurgia há dois meses. Ela está se recuperando bem, dizendo que hoje ela “se sente como se ela tivesse 40 anos” desde o transplante. Antes da operação, ela não era capaz de andar 100 metros sem problemas. Hoje ela anda 3km e sobe escadas todos os dias sem problemas.

coracao-morto-3

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O segundo paciente, Jan Damen de 43 anos, também sofria de insuficiência congênita de coração e fez a cirurgia há 15 dias. Ele ainda está se recuperando no hospital, mas já se manifesta falando “eu me sinto incrível”.

Estes transplantes de coração acontecem devido ao resultado de uma pesquisa conjunta entre o Victor Chang Cardiac Research Institute e o Hospital de St Vincent. As duas clínicas criaram uma solução de preservação especial que funciona em conjunto com uma máquina.

coracao-morto-4 coracao-morto-6

O procedimento permite que o coração do doador seja ligado a um circuito estéril que restaura o batimento cardíaco e o mantém quente, limitando os efeitos adversos associados aos métodos anteriores onde os corações eram mantidos no gelo.

Pesquisadores ainda estão determinando quanto tempo depois um coração pode ser ressuscitado, mas tem reanimado corações com mais de 30 minutos após a morte.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

coracao-morto-1

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,569,612SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Paris já tem supermercado sem embalagens e só de orgânicos

Um supermercado sem embalagens é possível? "Mas como as pessoas vão proteger suas compras"? Seguindo a mesma linha de Berlim, agora a cidade de Paris também...

Ensaio fotográfico questiona padronização da beleza do corpo humano

A nossa reação de estranhamento quando uma pessoa obesa diz que se sente feliz com o seu peso é sintoma da padronização de algo...

Senegalês que socorreu senhora no RS recebe mais de 50 ofertas de emprego

Moussa Sene, de 34 anos, ficou conhecido nas redes sociais por ter socorrido uma passageira de trem que ia de São Leopoldo a Novo...

Experimento emociona pessoas ao mostrar quem realmente elas são

Você realmente sabe suas origens? De onde veio? E as pessoas ao seu redor? Aqueles que habitam o mesmo mundo? Em um experimento de arrepiar, a...

Fotógrafo adia o próprio casamento para clicar casamento de motorista de aplicativo de graça

Daniel Freitas é fotógrafo de família e documental. Um dos mais renomados do mundo, com a agenda sempre muito lotada, ele mudou a data do próprio casamento para atender o sonho do motorista de aplicativo.

Instagram