Menina de 10 anos faz campanha contra o excesso de plástico no País de Gales

0
1236
Menina de 10 anos faz campanha contra o excesso de plástico no País de Gales
Fonte: The Guardian

A pequena Skye Neville, de 10 anos, atraiu a atenção de políticos e ativistas ambientais por ser a grande criadora de uma campanha que luta contra fabricação de brinquedos descartáveis que fazem uso excessivo de plástico em sua produção.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Do País de Gales para o mundo, Skye já trouxe diversos resultados positivos com sua campanha, criada há mais de 4 meses. Um exemplo é o grupo de supermercados Waitrose, que foi convencido pela garotinha a deixar de vender revistas que acompanhavam brinquedos de plástico como brinde.

“O pior brinquedo que já tive foi uma língua de borracha. Qual o sentido? Já tive toneladas de coisas moles e uma caneta de esqueleto que nem dava para escrever direito. Isso se torna muito lixo de plástico“, conta Skye.

Skye é uma jovem ativista que luta contra o excesso de plástico. Na foto, menina segura revista
Foto: BBC

Apesar de ser uma grande fã de revistas, a garota não gosta nadinha dos brindes! Ela criou uma petição para que as revistas parassem de vez de produzir esses brinquedos. Milhares de pessoas já assinaram e o objetivo é fazer com que as empresas entendam a ideia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A petição, no entanto, não inclui itens de artesanato educativos ou reutilizáveis, como lápis e canetas para pintar ou modelos colecionáveis ​​que devem ser usados ​​várias vezes. Ou seja, a meta não é parar de oferecer brindes, mas sim mudar a maneira como esse produto é fabricado.

Motivação

Tudo começou, porque Fairbourne, lugar onde a garota mora, já se encontra com barreiras de contenção para se proteger do avanço do nível do mar. Além disso, em 2050, os mecanismos de contenção deixarão de funcionar e os habitantes de Fairbourne deverão abandonar suas casas.

skye e a luta contra o excesso de plástico
Foto: The Guardian

O pai da jovem, Dave, disse ao jornal The Guardian que está orgulhoso da trajetória da filha e que espera que ela se torne uma inspiração para crianças que se identificam com seu propósito. Além disso, o pai acredita que, ao perceberem que sua voz pode ser ouvida, mais pessoas se posicionarão diante de assuntos tão importantes.

Vários políticos parabenizaram a garota e se mostraram abertos a ajudar. Entre eles Eluned Morgan, ministra da Saúde Mental, Bem-Estar e Língua Galesa, que prometeu encontrar maneiras para que o País de Gales reduzisse o plástico produzido pelas revistas, e Saville Roberts, que disse a seguinte frase:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Sua paixão reflete o grande  apoio que sua campanha recebeu, apresentando aos políticos e aos principais participantes da indústria algumas verdades duras sobre a poluição do plástico.”

Fontes: The Guardian e BBC


Histórias de gente determinada é o que não falta no Razões! Dá o play e conheça a índia Luakam e sua linda jornada!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.