Menina de 9 anos doa R$ 2 mil para Santa Casa em MG com venda de laço para cabelo

Marina Segretti Castelar trocou algumas horas de brincadeira para se dedicar à caridade. Ela tem apenas 9 anos e criou sozinha um projeto que arrecadou R$ 2 mil, que foram doados para a Santa Casa de Guaranésia (MG).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A menina produziu e vendeu scrunchies, que são lacinhos de tecido que podem ser usados tanto no cabelo como no braço, como acessório.

Marina e seus laços de cabelo
Reprodução: Google

O projeto de Marina começou em junho, através do Instagram que ela criou para divulgar e vender as suas peças.

Nós arrecadamos R$ 2 mil para a Santa Casa e já fizemos a doação. A campanha continua porque vamos doar uma quantia para a Apae, porque eles estão precisando, então com certeza vamos ajudar”, disse Marina.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Menino de 8 anos cria “Barraca da Solidariedade” e recolhe donativos para vitimas das enchentes no RS

A Santa Casa de Garanésia fez questão de publicar uma nota de agradecimento para Marina:

Com apenas 9 anos, a pequena Marina Segretti Castelar tem um coração solidário que deixou a família e amigos…

Publicado por Santa Casa de Caridade de Guaranésia em Sexta-feira, 10 de julho de 2020

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Apoio da avó foi essencial

Apesar de ser a idealizadora da Santa Causa – nome do seu projeto -, ela reconhece que o apoio da avó e de outras pessoas da família foi essencial para que tudo acontecesse.

Dona Nadir Franco Segretti, 85 anos, ajudou a neta na fabricação dos laços, aumentando a produção e as vendas.

Cada scrunchie é vendido por apenas R$ 5.

Em junho eu tive a ideia de começar a campanha ‘Santa Causa’ para ajudar a Santa Casa de Guaranésia a comprar um novo respirador. A ideia que eu tive foi fabricar scrunchies, que podem ser usados como pulseira ou laço para cabeço. Falei com a minha mãe, minha avó e toda família. Todos toparam, sendo que até agora fabricamos mais de 900 [unidades]”, lembra Marina.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A produção continua e a ajuda também

Agora que Marina fez a primeira doação, ela conta que não vai parar com a produção. O objetivo é fazer mais doações até o final da pandemia.

Dessa vez a garotinha quer fazer uma contribuição para a Apae, que deve ocorrer em agosto, de acordo com Valquíria Segretti Castelar, mãe de Marina.

A Marininha nos surpreendeu pela iniciativa, é uma criança muito alegre, divertida e faladeira”, conta Valquíria.

E ela além de fabricar os laços, também é garota-propaganda!

Ela diz que a avó de Marina ficou com medo de não conseguir vender os laços e a menina se decepcionar. “Abraçamos a causa e deu no que deu, está sendo um sucesso. A gente está muito feliz”, revelou Valquíria.

Você é linda Marina! E a gente tá aqui morrendo de orgulho da sua iniciativa!

Veja também:


FONTE: G1 – Sul de Minas 

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,833,091SeguidoresSeguir
24,659SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Um bairro inteiro com casas impressas em 3D será construído para famílias carentes

A tecnologia quando usada a nosso favor, pode simplesmente transformar a realidade de muitas pessoas, como é o que vai acontecer em El Salvador,...

Homem planta mais de 1000 girassóis para homenagear sua esposa que morreu de câncer

Muita gente passa a vida procurando por um grande amor. Outros acham, mas precisam se despedir. Foi o caso do fazendeiro norte-americano Don Jaquish, de 66...

Cliente ganha desconto de 50% na anuidade do cartão e se surpreende

Anuidade do cartão de crédito. Quem é que não odeia ter que pagar valores um tanto quanto salgados? Pois é, mas isso quase impossibilitou...

Como o voluntariado pode mudar a vida das pessoas

Quando se buscam as razões que levam pessoas a se tornarem voluntárias e a entregar parte de seu tempo livre (ou todo ele, em...

Ex-interno da Fundação Casa cria giz para corrigir acidez do solo e ganha prêmio de feira de ciências

A conquista de um ex-interno da Fundação Casa é a prova definitiva de que os jovens que estão em regime de reclusão têm muito...

Instagram

Menina de 9 anos doa R$ 2 mil para Santa Casa em MG com venda de laço para cabelo 3