Menina transgênero será capa da edição de janeiro da National Geographic

A garota norte-americana trans Avery Jackson, de 9 anos de idade, será capa da edição de janeiro da revista National Geographic. A revista vai dedicar sua primeira edição de 2017 aos novos movimentos de sexualidade e identidade de gênero que ganharam força nos últimos anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A chamada principal da edição é: “GENDER REVOLUTION” (“Revolução do Gênero”, em português). “A melhor coisa sobre ser uma garota é que agora eu não tenho que fingir que sou um garoto”, Avery diz no texto da capa. A revista também traz outras chamadas: “como fazer um homem”, “a ciência do gênero” e “garotas em risco”.

Avery Jaclson será capa da edição de janeiro da revista National Geographic
Avery Jaclson será capa da edição de janeiro da revista National Geographic

Avery começou sua transição de gênero aos 4 anos e com total apoio e proteção de seus pais. Ela tornou-se conhecida em junho deste ano, inspirando a organização Planting Peace a comprar uma casa ao lado de uma de suas sedes, em Topeka, nos EUA, para a construção de um centro de acolhimento de pessoas trans, pintada com as cores do arco-íris – símbolo da comunidade LGBT. As duas casas ficam em frente a uma sede da igreja Westboro Baptist Church, que abomina homossexuais e transexuais.

eh-10-s-1467082320
Centro de acolhimento de pessoas transgênegeros, na cidade de Topeka, nos EUA. Foto: Planting Peace

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Nós estávamos muito felizes com a edição [da National Geographic], porque a gente pensava que ela chegaria às bancas na época em que Hillary tomaria posse”, escreveu a mãe de Avery Jackson, Debi Jackson, no grupo de Facebook Pantsuit Nation. “Mas histórias positivas sobre pessoas trans são ainda mais necessárias agora…”

Contudo, a versão da revista para as bancas terá outra capa. Não há informações oficiais ainda sobre a razão para que a capa seja diferente. Além de Avery Jackson, outras pessoas transgênero aparecem nas páginas da revista.

+Menina trans manda recado contra o preconceito: “Eu não sou doente e você não pode me mudar”

national-geographic-1481769673-768x1024

nat-geo-1481769672-576x1024

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

imagem-capa-national-geographic

Com informações do LABO BI / Todas as imagens: Divulgação

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM





Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,272,461SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Bruna Marquezine recebe meninas refugiadas em sua casa no Rio com muita diversão

No último domingo (18), a atriz Bruna Marquezine, 24 anos, recebeu um grupo de meninas refugiadas em sua casa, na Barra da Tijuca, Zona...

Um carioca, uma acreana e um cearense ensinam o jeito “certo” de chamar a mesma coisa

É Fruta do Conde ou Pinha? Arco de Cabelo ou Tiara? Peteca ou Bolinha de Gude? Feijão Marrom ou Feijão Carioquinha? Num país tão diverso...

Mulher conhece seu doador de esperma e encontro acaba em casamento

Aos 42 anos, Londoner Aminah Hart era solteira, mas ela queria um filho. Então ela foi recorreu a um banco de esperma e selecionou um doador...

Para alegria das crianças irlandesas, Papai Noel se torna ‘trabalhador essencial’ no país

Não dá pra dizer que 2020 foi fácil, porque não foi. Tivemos que nos readaptar a uma série de normas e estilos. O novo...

Após ser flagrado chorando pela moto quebrada, motoboy recebe ajuda de internautas

Debaixo de chuva, domingo à noite (28/06), em João Pessoa (PB), o jovem motoboy Mikael, 19 anos, chorava ao lado de sua moto quebrada. Criamos...

Instagram