Menino com Síndrome de Asperger vende seus desenhos para comprar comida e casa nova para a mãe

0
1698
menino asperger vende desenhos capa

Nestes tempos difíceis, muitas crianças estão encontrando maneiras criativas de ajudar suas famílias e demonstrar gratidão. Este é o caso do venezuelano Samuel Andrés Mendoza, 14 anos, que tem Síndrome de Asperger – transtorno de desenvolvimento, similar ao autismo, que compromete a capacidade de se socializar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

menino com cachorro; garoto tem asperger e vende seus desenhos para ajudar a mãe comprar comida
Foto: Twitter Samuel Andres

Ele começou a vender seus desenhos no Twitter para ajudar a mãe a comprar comida e evitar que ela trabalhe tanto sozinha em sua barraquinha de guloseimas na rua.

“Olá, sou o Samuel. Vendo meus desenhos por um dólar para ajudar minha mãe a comprar comida, gostaria de comprar uma casa para que ela não precise trabalhar na rua e corra o risco de pegar Covid”, dizia sua publicação.

Desenho feito por Samuel, garoto com Asperger
Foto: Twitter Samuel Andres

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com tamanha franqueza, já era de se esperar que seu post viralizasse! Em poucas horas ele teve uma imensa repercussão e Samuel já conseguiu vender centenas de seus desenhos.

Hoje ele já tem mais de 17 mil seguidores na rede social. Em sua bio, a frase “Eu sou o Samuel, meu sonho é que minha mãe a tenha uma 🏠 e vou realizar vendendo meus desenhos”, mostra o tamanho de sua determinação.

menino com asperger cria desenhos sentado em mesa
Foto: Twitter Samuel Andres

Crise na Venezuela

Há alguns anos a Venezuela vem atravessando uma grave crise política e econômica, que que tem feito muitas pessoas mudar para países vizinhos. Samuel e sua mãe fizeram isso em 2019, mas precisaram retornar ao país, já que ela havia perdido o emprego.

Samuel, menino com asperger, e sua família. Na foto, mulher com seus 3 filhos sentados em sofá
Foto: Twitter Samuel Andres

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Devido à crise e à inflação sem precedentes, a maioria dos trabalhadores ganha o equivalente a US$ 2 (R$ 11,24) por mês e precisa encontrar outra maneira de ter uma renda extra e sobreviver.

Caixas de lápis de cor e papéis
Foto: Twitter Samuel Andres

Segundo o garoto, eles precisam de pelo menos US$ 100 (R$ 562,03) por semana devido ao alto custo dos produtos alimentícios no país.

Barraquinha da mãe antes da ajuda de Samuel…

Mãe em barraquinha de doces e salgadinhos
Foto: Twitter Samuel Andres

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

… Barraquinha depois da venda dos desenhos 😍

men ino asperger vende desenho1 8
Foto: Twitter Samuel Andres

Solução criativa

A história e a atitude de Samuel comoveram muita gente e, graças à uma linda corrente do bem, ele já conseguiu vender muitos desenhos. Alguns de seus seguidores também lhe enviaram cadernos, lápis de cor, marcadores e todo o material que ele precisa para continuar ajudando sua mãe.

Oscar Olivares, um artista e muralista da Venezuela, dirige uma academia de arte e concedeu a Samuel uma bolsa para estudar desenho. E ele ainda ganhou um notebook. Isso sem contar que, desde que começou as aulas de arte, a qualidade de seus desenhos melhorou muito!

Porém, entre tantos presentes e reconhecimentos, nada se compara à gratidão que sua mãe sente por ele. “Às vezes fico com raiva, porque acho que na idade dele ele tem que estar aprendendo, estudando e não querendo trabalhar para me ajudar, quando sou eu que tenho que fazer todo o possível para nos dar conforto e comida necessária”, afirma.

Samuel mora com sua mãe e os dois irmãos em uma casa humilde e faz questão de dizer que prefere trabalhar do que depender de ajuda financeira do governo. Que pessoa incrível! 👏

Fonte: Viralistas


A história do Samuel lembra a do Levi, que com apenas 4 anos já ajuda a mãe a sustentar a casa. Relembre aqui!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.