Menino cego aprende a surfar e ganha ‘foto 3D’ de recordação da instrutora

Gui é cego e sempre quis surfar. Na quarta-feira (5), ele realizou o sonho com a ajuda da instrutora Didi Del Monaco.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O menino aprendeu a se posicionar direitinho na prancha, sentindo a longarina (asa da prancha) e aproveitando as ondas do mar.

“Os equipamentos são desenvolvidos especialmente para cada participante pela nossa equipe de engenharia de reabilitação, pensando sempre na melhor forma possível de proporcionar essa experiência para todos!”, explica Didi em um post no Instagram.

Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora

As aulas são adaptadas e o objetivo é simples: fazer o aluno sentir a energia incrível que é poder surfar!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora

É tradição que ao término da aula, o aluno tire uma foto segurando a prancha nas costas para guardar de recordação. No entanto, sabendo que Gui é cego, como tornar essa experiência mais inclusiva e completa?

Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora

Pensando fora da caixa, Didi teve a ideia de fazer uma “foto 3D” do garoto. Para isso, entrou em contato com o corpo acadêmico da Universidade Santa Cecília (UniSanta), em Santos (SP), onde pôde utilizar um scanner 3D que transformou a foto de Gui em uma imagem tridimensional de alta resolução.

Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora

A imagem foi convertida em um objeto 3D feito com plástico biodegradável. Olha só como ficou o bonequinho do Gui:

Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora Menino cego aprende surfar ganha foto 3D instrutora

“Queremos proporcionar isso para outras pessoas também e você pode ajudar! Nosso projeto já tem os equipamentos, scanners e impressora 3D, só falta você se inscrever e participar de uma aula de surf com a gente. Parte da verba é destinada pra gente desenvolver essas ideias para os participantes especiais”, escreveu Didi Del Monaco.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você pode conhecer o projeto dela clicando aqui.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar) em

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fotos: Reprodução/Instagram

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,261,441SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Japonesa toca violino com prótese e inspira a internet

Depois de ver o vídeo, enxergamos nossos problemas com outros olhos.

Colégios australianos terão feminismo como matéria obrigatória

Em 2013 nasceu o ‘Fightback’, um coletivo feminista criado por estudantes da Fitzroy High School, de Melbourne, na Austrália. O que antes era um pequeno grupo de alunos, acabou...

Xuxa homenageia guarda municipal humilhado por desembargador e ele se emociona – vídeo

No último sábado (18), o guarda municipal Cícero Hilário Roza foi humilhado por um desembargador, em Santos (SP) e isso revoltou muita gente. No dia,...

Livro documenta amizades improváveis de animais completamente diferentes

O livro “Unlikely Friendships: 47 Remarkable Stories from the Animal Kingdom” é um registro de contos que documenta histórias surpreendentes de animais que, sem nada em comum...

Instagram