Menino de 14 anos recolhe plástico jogado nas ruas para comprar e plantar árvores

banner reservaPouca gente deve ter ouvido falar do Quirguistão. O país era uma das repúblicas da União Soviética. Desde que conquistou sua independência, em 1991, o Quirguistão trabalha dura contra a poluição, que o diga o menino Sanzar, de 14 anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele recolhe e vende plástico para comprar e plantar árvores, tornando o mundo um lugar melhor para se viver. “Se todos fizessem um pouco como eu, o meio ambiente poderia melhorar”, diz o jovem ao canal Zoomin.TV.

Sanzar acorda às 6h para recolher o plástico jogado nas ruas do bairro onde mora antes de ir para a escola. Depois das aulas, ele vende o plástico e com o pagamento compra mudas de árvores para serem plantadas.

“Eu acho que o que estou fazendo é normal. Se todos os outros pensassem como eu”, pondera Sanzar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

1

2

3

4

5

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações do Uol

barra reserva

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,827,226SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professor de judô desenvolve técnica especial para que aluno com esclerose múltipla faça o exame de faixa

Se você está precisando de um pouco de inspiração, o aluno de judô Jeferson Cogo, de 49 anos, pode te ajudar. Há pouco tempo,...

Menino recolhe 2,2 kg de lacres para conseguir cadeiras de rodas para deficientes 

O ato de bondade de um menino de sete anos chamou a atenção de dois policiais militares de Eldorado, no interior paulista. Por iniciativa própria,...

Estudantes criam projeto de redução da evasão escolar no sertão cearense

A estudante secundarista Ana Ellen de Brito desistiu de estudar em duas ocasiões. Na primeira delas, em 2017, parou de frequentar a escola faltando...

Homem é condenado por ter dito ofensas homofóbicas a casal em SP

Após proferir ofensas homofóbicas a um casal num transporte público em São Paulo, um homem foi condenado pelo Tribunal de Justiça local a indenizar...

Após desapontar os pais, filho anuncia formatura com surpresa

“Por vocês comecei, por vocês terminei... Obrigado mãe e pai!”

Instagram