Menino de 7 anos escreve livro para irmã gostar de usar de óculos

O mundo encantado das princesas é algo muito forte na infância da maioria das meninas, sempre pelas histórias de amor com  príncipe ou pelos belos vestidos e coroas que elas carregam. Mas o que fazer quando vamos para o mundo real e as meninas não se encaixam em nenhuma das princesas atuais?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi a situação que a Rafaela, de 5 anos passou, depois que descobriu que tinha 6 graus de hipermetropia, ou seja, usar óculos era inevitável, mas ela não queria, pois dizia que as princesas que ela tanto gosta, não usam óculos. E não adiantou pais, escola, orientadores tentarem convencê-la do contrário. Foi então que seu irmão de 7 anos, Alexandre, resolveu então fazer um livro, onde a princesa da história usava um lindo óculos, levando a realidade da irmã para o mundo dos contos de fadas.

O menino disse que explicou duas coisas com a história:

Primeira: que o príncipe não precisa mostrar apenas sua valentia, também pode pedir por favor e obrigado.

Segundo: que a princesa também pode usar óculos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mais uma vez as crianças mostrando que a próxima geração tá vindo pra mudar muita coisa! Veja o vídeo:

oculos_princesa oculos_princesa2 oculos_princesa3 oculos_princesa4 oculos_princesa5 oculos_princesa7 oculos_princesa8

Dica da Ariel Dantas

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,089,429SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Engenheiro do Alemão cria impressora 3D com sucatas de ferro-velho

"A ideia é ter uma tecnologia 100% favela, mostrar que somos mais do que estatística de violência, somos o futuro", diz Lucas.

Artesã transforma roupas de pessoas falecidas em ursinhos de pelúcia

Uma carinhosa e sensível forma de relembrar daqueles que não estão mais conosco!

Com peças minimalistas e sustentáveis, marca brasileira prioriza o conforto das mulheres

Lançada no mês de março deste ano, a marca brasileira Ada busca valorizar a sustentabilidade e o feminino nas suas peças. A marca quer...

Sem vendedor para mediar, biscoitos são comercializados (e pagos honestamente) em cidade mineira

Iniciativa da Casa do Caminho tem 7 gôndolas no sistema 'peg pag'. Em apenas um mês, cerca de R$ 4 mil foram arrecadados na cidade.

Instagram

Menino de 7 anos escreve livro para irmã gostar de usar de óculos 2