Após repercussão, menino que vende tamboretes recebe ajuda de todo o Brasil

Quando olhamos as fotos do menino Lucas, 11 anos, antes e depois da repercussão da sua história, é nítida a mudança na sua fisionomia, no seu sorriso. Há mais de um mês, ele ficou arrasado quando um assaltante roubou o dinheiro dos tamboretes que ele vendeu com muito custo: cerca de 40 reais. Relembre a sua história clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O pequeno morador de Alagoa Grande, na Paraíba, ficou conhecido após a viralização de um vídeo contando a sua história, tocando o coração de muitas pessoas! Recebemos ótimas notícias do jornalista Gustavo Chaves, do Plantão Policial Paraíba, um dos envolvidos nesta corrente do bem em prol da família do Lucas.

Como é perceptível o brilho que nasceu no olhar de Lucas! Essa transformação toda é resultado de muito amor e fraternidade que ele e a família receberam e estão recebendo de pessoas de todo o Brasil.

A felicidade presente na vida deles foi uma das mudanças após a repercussão. Estão conseguindo dinheiro para viver bem por um tempo, já que ainda, os pais estão desempregados. Estão recebendo ajuda com roupas e alimentos de todo o país”, disse Gustavo ao Razões.

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por GUSTAVO CHAVES🎙(83)99817-7879 (@plantaopolicialparaiba) em

Segundo a mãe do Lucas, a dona Sônia, o marido, Severino, está há um mês São Paulo à procura de emprego. “Eu continuo sendo dona de casa e vendendo meus produtos de limpeza, e o pai dele ainda está desempregado em São Paulo, mas estamos bem, graças à Deus”, disse.

Lição que fica desta história

O jornalista Gustavo Chaves tem acompanhado diariamente o caso da família, ele relatou também que aprendeu muito com tudo isso, principalmente com o pequeno Lucas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A lição que eu tirei desta história toda foi a de valorizar a família. Mas a força de vontade dele de ajudar também é muito inspiradora, muito tocante. Ele continua trabalhando, por que ele gosta, ele tem essa vontade. Eu acho isso muito interessante, porque eu já trabalhei também assim, já fui palhaço em porta de loja, já vendi pão de bicicleta e me espelhei na história dele desde que o conheci. Eu me vi ali, por isso me sensibilizei e gravei o vídeo”.

repercussao menino vende tamboretes recebe ajuda todo brasil
A felicidade estampada na carinha deles! <3

repercussao menino vende tamboretes recebe ajuda todo brasil
O jornalista Gustavo Chaves com o pequeno-grande Lucas

Acompanhe a história do Lucas e sua família também pelo Instagram @lucas_do_tamborete.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

advogada ajuda mulheres vitimas assedio sexual trabalho

crédito das fotos: arquivo pessoal e redes sociais

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,805,539SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Multimilionário doa metade de sua riqueza para salvar vidas de refugiados

Já falamos recentemente de alguns projetos para ajudar refugiados ao redor do mundo, relembre aqui. Mas este homem tem feito algo ainda mais extraordinário: Com...

Menino de 6 anos arrecada 850 cestas e latas de leite com rifa e venda de Fusca do pai em MG

Em maio deste ano, um garoto de apenas 6 anos pediu para o pai rifar o Fusca da família e comprar cestas básicas para...

Instituto RME e Google lançam programa de capacitação e incentivo a mulheres empreendedoras

Ser mulher e empreender não é uma tarefa muito simples. Depois do início da pandemia, tornou-se ainda mais complicado. Foi então que Ana Fontes,...

Cadeirante que faz entregas em SP sonha ter cadeira motorizada e internautas criam vaquinha

Conheçam o Luciano Oliveira, 44 anos, cadeirante que ficou conhecido por trabalhar como entregador de comida por aplicativo.

Jovem tem casa incendiada por ex-namorado e pede ajuda para construir um novo lar

Sara Ferraz estava em um relacionamento há 2 meses, quando decidiu terminar. O ex-namorado não aceitou o fim do namoro e, por vingança, colocou...

Instagram

Após repercussão, menino que vende tamboretes recebe ajuda de todo o Brasil 1