Mestre butânes fala sobre a visão do budismo a respeito da homossexualidade

Dzongsar Khyentse Rinpoche é um grande mestre butanês e nos presenteou com essa palestra maravilhosa que, apesar do principal tema ser homossexualidade e budismo, ele vai além, e fala de igualdade de gêneros e até bate um papo diretamente com os pais sobre aceitação e educação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De forma descontraída e leve, são 7 minutos de pura inspiração e verdades, que aliás é sobre o que o mestre mais fala. Que no budismo é sobre a busca da verdade, mas que por motivos culturais, deturpamos uma série de coisas, incluindo escolha de orientação sexual, que ele afirma, não tem nada de errado.

Até diz que é possível que lésbicas achem primeiro a iluminação, antes de outras pessoas.

“Sabem, vocês não podem considerar isso uma doença ou que é errado. Algumas pessoas gostam de queijo cottage outras de queijo suiço. É apenas isso. É a mesma coisa. E ainda há algumas pessoas que gostam dos dois”, diz francamente o mestre.

Mas chega de dar spoilers, esse vídeo é curto, mas sua mensagem é poderosa e atual, vamos levar adiante:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,434,652SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

5 dicas para enfrentar situações dolorosas no trabalho voluntário

Se você é voluntário ou quer ser, esse post é pra você!

“Ajudantes do Papai Noel” adotam cartinhas e realizam desejos de natal de crianças de comunidades do RJ

O projeto Ajudantes do Papai Noel reuniu neste ano as cartinhas com os desejos de natal de crianças da comunidade Pavão-Pavãozinho e Cantagalo, no...

De menina órfã da periferia à executiva de sucesso: a história inspiradora de Giuliana Candido

Giuliana Candido olhou para as dificuldades da vida e falou: sim, eu posso! A mãe de Giuliana morreu nova, aos 23 anos. Depois disso, ela...

Dona de restaurante distribui caldos de graça após perder tudo em incêndio

"Esses caldos que tô distribuindo são os que eu vendo, mas como aconteceu isso, estou dando como forma de ajudar o próximo."

Defendendo o empoderamento feminino, brasileira representa o país na G(irls) 20

Lançado em 2009 na Clinton Global Initiative, G (irls) 20 foi a primeira empresa de lucro social a defender que a participação feminina da força de...

Instagram