Primeira ministra da Nova Zelândia promete alcançar 100% de energia renovável até 2030

Desde que entrou no poder, em 2017, a primeira ministra da Nova Zelândia Jacinda Ardern acabou tornando-se um grande exemplo de liderança eficaz. Além de ter entrado para a lista dos chefe de estado que melhor souberam gerir a pandemia do coronavírus, Jacinda sempre deixou claro que uma de suas maiores metas é priorizar a sustentabilidade em seu país.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

jacinda ardern
Foto: SIPA

Prova disto é que, em recente anúncio a primeira ministra prometeu que irá alcançar 100% de energia renovável até 2030. A meta anterior do partido de Jacinda era eliminar gradualmente todas as energias não renováveis ​​até 2035.

No entanto, os líderes não somente perceberam a importância de adiantar o prazo, como constataram que era possível. De acordo com eles, a promessa envolve acelerar “a eletrificação dos setores de transporte e industrial” e investir “em tecnologias emergentes, como hidrogênio verde, enquanto continua a tornar a energia acessível aos neozelandeses.

Hoje a Nova Zelândia produz 84% de sua eletricidade a partir de fontes renováveis, mas, segundo Ardern, eles estão prontos para melhorar. “A recuperação econômica do COVID-19 representa uma oportunidade única para remodelar o sistema de energia da Nova Zelândia para ser mais renovável, mais rápido, acessível e seguro”, explicou.

Além dos benefícios ambientais, a primeira ministra explicou que a iniciativa irá gerar milhares de empregos e oferecerá novas oportunidades aos neozelandeses. “Nosso plano para energia limpa e redução das emissões de carbono nos ajudará a aproveitar as oportunidades econômicas de ser o país verde e limpo que os neozelandeses nos veem”, disse Jacinda em coletiva.

energia eólica
Foto: Unsplash

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os planos foram anunciados poucas semanas antes das eleições no país, no dia 17 de outubro. Caso o partido trabalhista ganhe, a Nova Zelândia será um dos poucos países do mundo a ter uma matriz energética 100% renovável, ao lado da Islândia e do Paraguai. Em seguida, a Costa Rica também orgulha-se em dizer que 99% da energia proveniente do país vem de fontes renováveis.

Se depender da aceitação do público e dos planos de governo anunciados, o partido de Jacinda Ardern já ganhou, não é mesmo? Afinal, um dos maiores ensinamentos da pandemia é de que precisamos urgentemente priorizar o planeta!

Fonte: Good News Network

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,294,950SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Fotógrafa registra casais “grávidos” dormindo

A fotógrafa russa Jana Romanova fez uma série de fotos sobre casais “grávidos” dormindo. Ela queria saber como a fragilidade da gravidez alterava a...

Pai solo ajudado por vaquinha faz tatuagem em homenagem ao Razões e emociona a todos!

O Luan surpreendeu todo o time do Razões e Voaa, essa semana. Ele fez uma homenagem linda! Luan tatuou o beija-flor, que é o...

Artista remove maquiagem de bonecas para deixá-las parecidas com uma criança do mundo real

Você pode não ter reparado, mas as bonecas mais famosas do mundo promovem uma sexualização precoce das meninas.

[VÍDEO] Jovem vence paralisia e se torna instrutora de ginástica com movimentos de artes marciais

Aos 21 anos, a jovem venezuelana Katrina Parra ficou paralisada do pescoço para baixo, devido a uma doença rara chamada porfiria, que pode causar paralisia...

Campanha contra o câncer infantil deixa personagens de desenho carecas

Para mostrar que as crianças com câncer também podem aproveitar a infância como qualquer outra, desenhos animados famosos ficam carecas no Dia Nacional de...

Instagram

Primeira ministra da Nova Zelândia promete alcançar 100% de energia renovável até 2030 1