MIT e C6 Bank firmam parceria para ensinar jovens a criar aplicativos em até 30 minutos

O MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) e o C6 Bank, novo banco brasileiro para pessoas físicas e jurídicas, anunciaram uma parceria para estimular jovens de comunidades carentes a criar aplicativos que possam ter impacto local ou global.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A iniciativa vai treinar pessoas, que depois atuarão como multiplicadores, no uso da ferramenta MIT App Inventor, uma ferramenta que permite ao usuário criar outros apps em menos de trinta minutos. O objetivo é dar aos jovens a chance de sair da condição exclusiva de consumidores de tecnologia para assumir o papel de criadores de tecnologia.

O projeto, batizado de MIT-Brazil App Inventor por C6 Bank, terá início em janeiro de 2020, quando alunos do MIT virão a São Paulo para formar os multiplicadores.

MIT C6 BANK parceria jovens aplicativos

MIT App Inventor

Neste momento, o programa está em busca de parceiros, como instituições e pessoas ligadas à educação e tecnologia, que possam atuar como multiplicadores do conhecimento. Quem desejar assumir esse papel precisa estar inserido em comunidades. Os candidatos a multiplicadores podem se inscrever clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O MIT App Inventor é uma aplicação de código aberto. Seu ambiente de programação está baseado em blocos de ferramentas e não exige conhecimento prévio em desenvolvimento de software.

Leia também: Google empodera meninas do ensino médio durante evento em BH: ‘Posso ser o que eu quiser’

Qualquer um, incluindo crianças, pode construir apps para smartphones e tablets por meio da aplicação.

O App Inventor já deu origem a mais de 43 milhões de aplicativos. Entre eles, há várias iniciativas de cunho social, como um app que ajuda deficientes visuais a conhecer o ambiente da escola (o Hello Navi) até um aplicativo que indica como acessar água potável em Moldova, país do leste europeu com alta taxa de transmissão de Hepatite A por água contaminada (o Apa Pura).

O C6 Bank, que é quem está disseminando o programa ao Brasil, vai atuar como correalizador do projeto. O banco, por meio de sua área de impacto social, vai ser responsável pela continuidade do programa no Brasil.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

MIT C6 BANK parceria jovens aplicativos

Estão previstos encontros periódicos com os multiplicadores ao longo de todo o ano que vem, para entendimento das necessidades das comunidades e para auxiliar os multiplicadores na construção de um plano de aula que abrange, além do App Inventor, técnicas de ensino pensadas para a fácil absorção do conteúdo. Quem ajuda o C6 Bank nessa tarefa são os profissionais da IDEA9, a startup de educação que o banco comprou em agosto de 2019.

Leia também: Projeto social ensina programação e ajuda integrar refugiados ao mercado de trabalho brasileiro (RJ)

O projeto vai formar, em janeiro, 90 multiplicadores, que deverão formar outros multiplicadores e, assim, contribuir para a expansão da rede de usuários do MIT App Inventor no país.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O MIT-Brazil App Inventor por C6 Bank é resultado da parceria do banco com o MIT-Brazil, programa da instituição americana que treina alunos a fim de enviá-los ao Brasil.

No país, os estudantes, em geral, participam de projetos de pesquisa, estagiam em empresas ou facilitam oficinas em ciências, tecnologia, engenharia, artes, matemática e empreendedorismo.

Sobre o C6 Bank

O C6 Bank nasce para ser um banco completo para pessoas físicas e jurídicas. A instituição recebeu licença do Banco Central para operar como banco múltiplo em janeiro de 2019.

Sem agências físicas, o C6 Bank vai funcionar a partir de um modelo de arquitetura aberta, com distribuição de produtos de terceiros. O banco está baseado em São Paulo e integra a C6 Holding, grupo do qual também fazem parte as empresas PayGo, Setis, IDEA9 e Som.us. Juntas, as companhias somam cerca de mil funcionários.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fotos: Divulgação

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,225,343SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Dinamarca é o primeiro país a não classificar mais transexualidade como doença mental

A decisão vai dissociar as pessoas transexuais de palavras como distúrbio e transtorno.

Mãe solo vai “disfarçada” a evento para pais na escola do filho e faz sucesso nas redes sociais

Ao deixar o filho na escola, Yevette Vasquez notou que havia muitos carros no estacionamento. Foi quando ela perguntou ao menino o motivo. Elijah,...

Rick Chesther paga dívida de mãe que ofereceu faxinas em troca de livros para a filha estudar

Uma mãe ofereceu faxinas em troca de livros para a filha poder estudar. A iniciativa de Eliane Lúcia de Brito comoveu o palestrante Rick...

Professora que teve moto furtada ganha uma nova com vaquinha de alunos

Muito chateada com o roubo, 'tia' Flávia não esperava que uma corrente do bem, formada por amigos, alunos, ex-alunos, pais e colegas de profissão se unisse para comprar uma moto novinha para ela.

Há 10 anos americano compra toda sessão infantil de loja para dar de presente de natal para as crianças

O verdadeiro altruísta é aquele que faz o bem quando não tem ninguém olhando e que não gosta de ser identificado. Afinal, se você...

Instagram