Ícone do site Razões para Acreditar

Modelo trans que foi agredida em apartamento no RJ ganha vaquinha e tem apoio de famosos

Modelo trans que foi agredida em apartamento no RJ ganha vaquinha e tem apoio de famosos 1

Alice Felis foi vitima de agressões físicas em seu apartamento, no domingo (16) e isso foi muito chocante e revoltante para todos nós. Estamos em 2020 e, infelizmente, a transfobia ainda é um crime muito frequente.

Usando um trecho de um dos vídeos que ela publicou no domingo, “por mais que você faça o bem, por mais que você seja uma pessoa boa, sempre vai ter uma pessoa que vai te atirar uma pedra, vai te discriminar e vai te maltratar simplesmente pelo fato de você querer ser feliz da forma que você quer”.

Para a sorte dela, ainda há muita gente que respeita e defende a diversidade de gênero. Após o caso de Alice viralizar no Instagram, diversos internautas a procuraram para dar apoio psicológico e financeiro. Muitos famosos como Pabllo Vittar e Preta Gil também se mobilizaram, pedindo a contribuição para uma vaquinha online que foi criada.

Entenda o caso de Alice Felis

Alice conheceu o agressor na noite anterior, em um bar em Copacabana e eles acabaram indo para a casa dela. Ela conta que quando chegaram no apartamento, ele começou as agressões.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela levou socos, pontapés, teve o maxilar e nariz quebrados, além de sofrer tentativa de esfaqueamento. Após tudo isso, foi roubada e deixada no local.

Após retornar do hospital, Alice fez diversos stories contando o que aconteceu e filmando o espaço. As cenas eram muito fortes e ainda mostrava o apartamento com muitas partes quebradas e com sangue.

Reprodução: Instagram

Apoio de famosos foi essencial

O caso de Alice repercutiu muito na rede e famosos de solidarizaram com o caso. O YouTuber Felipe Neto foi um dos primeiros a divulgar seu posicionamento nas redes e pedir punição para o crime.

Ela está desamparada nesse momento, sem dinheiro pra nada, pois ele levou o dinheiro que ela tinha. Vamos ajudá-la?, dizia o post.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pabllo Vittar fez uma sequência de stories também falando do caso. “Até quando, né, meninas? A gente vai acordar e vai se deparar com situações como essa, como a da Alice, que foi brutalmente espancada, graças a Deus não perdeu a vida, mas está em uma situação muito delicada, precisando da nossa ajuda. Quem puder ajudar, do fundo do coração, ajude, porque ela está precisando nesse momento”, disse a cantora.

A cantora Marília Mendonça não só divulgou a vaquinha, como também disse que queria ajudar Alice.

Vaquinha online

Alice agradeceu, nesta terça-feira (18), todo o apoio que tem recebido e reforçou a necessidade da ajuda financeira. Ela contou que o apartamento onde mora precisa ser entregue e todo o dinheiro que ela tinha, foi levado pelo agressor.

Veja o vídeo.

A vaquinha online para ajudar Alice está em aproximadamente R$ 150 mil e você pode doar neste link. Além de gerar um suporte financeiro para a modelo, esse valor será necessário para ela custear advogados no processo que está movendo contra o agressor.

A advogada que está acompanhando Alice, Fêh Oliveira, é especializada em crimes LGBTI+ e também vem atualizando os internautas sobre o caso.

Hoje ela publicou que o agressor já foi reconhecido e que ela seguirá com o processo de Alice.

Transfobia é crime

Em 2019 o STF criminalizou a homofobia, que se estende a toda comunidade LGBT e também equiparou atos transfóbicos ao crime de racismo.

A violência sofrida por Alice também pode ser incluída na Lei Maria da Penha, que protege mulheres trans e travestis.

Vamos ajudar Alice a superar essa terrível experiência e continuar reforçando a necessidade do respeito por todos, independente de seu gênero!

Alice, estamos com você!

VEJA TAMBÉM:

Matheus recebeu doações, presentes e a vaquinha na @voaa_vaquinhadorazoes bateu a primeira meta em menos de 24 horas, que era R$65 mil. Aumentamos a meta para que Matheus compre a sua casa própria, mas ele ainda quer fazer mais uma coisa.. ?
Verdadeira corrente do bem, né?⠀
Obrigado @intel por atender (novamente!) nosso pedido e enviar um PC potente pra ele voltar a trabalhar.
Que felicidade, minha gente!

VOAA, Matheus!

 

Sair da versão mobile