USP descobre molécula que reduz tumor e evita metástase do câncer de ovário

Um grupo de pesquisadores brasileiros e norte-americanos descobriu uma molécula capaz de reduzir o tamanho do tumor e interromper o processo de metástase do câncer de ovário.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mais testes precisam ser feitos em animais para atestar a segurança do composto. Segundo os pesquisadores, o tratamento estará disponível para seres humanos em até 20 anos.

A pesquisa foi feita pelo Centro de Terapia Celular do Hemocentro da Universidade de São Paulo (USP) em parceria com o Laboratório de Células-Tronco Musculares e Regulação de Genes dos Institutos Nacionais de Saúde, nos Estados Unidos.

USP descobre molécula que reduz tumor e evita metástase do câncer de ovário 2
Foto: Chico Escolano/EPTV

molécula reduz tumor evita metástase câncer de ovário
Foto: Chico Escolano/EPTV

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Menina de 2 anos vence câncer de ovário raríssimo

Molécula capaz de reduzir o tumor causado pelo câncer de ovário

Constatou-se que a molécula RNA MIR-450A é pouco eficaz em tumores. No entanto, quando superexpressa (aumentada) em testes in vitro e em camundongos, ela se torna potente no tratamento contra o câncer de ovário.

Para Wilson Araújo da Silva Júnior, professor do Departamento de Genética da Faculdade de Medicina da USP, a molécula MIR-450A, presente no corpo humano e que pode ser produzida no laboratório, ‘é capaz de silenciar genes envolvidos na migração celular e no metabolismo do tumor. Isso bloqueia o tamanho do tumor e bloqueia o processo de metástase’.

molécula reduz tumor evita metástase câncer de ovário
Foto: Reprodução/Diário MS

Na esteira de novidades, cientistas da USP também descobriram que a molécula microRNA-367 pode reduzir a agressividade de tumores embrionários do sistema nervoso central, responsáveis pelo câncer infantil.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Paciente terminal está curado do câncer graças a método 100% brasileiro

O próximo passo é desenvolver um medicamento utilizando a molécula MIR-450A que auxilie no tratamento da doença, muitas vezes, identificada quando já está em um estágio avançado.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: Jornal de Brasília e G1

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




USP descobre molécula que reduz tumor e evita metástase do câncer de ovário 4

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,977,244SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Homem perde os braços um dia antes do nascimento do filho e sonha ter próteses para carregá-lo

Há um ano Nilson, 33 anos, de Campina Grande (PB) perdeu seus dois braços num grave acidente de trabalho. A tragédia aconteceu um dia antes...

Vídeo mostra reação de pessoas ao verem deficientes físicos na academia

O que acontece quando uma cega luta judô? Ou um homem com uma de suas pernas amputadas se prepara para correr na esteira de uma...

Bar incentiva as pessoas a não usarem o Wi-fi para aproveitarem o momento

Para diminuir o uso de celulares durante os jantares em seu bar, o Venga! fez uma ação colocando o Wi-fi contra o Wi-fi. Quando as pessoas...

[VÍDEO] Aos 24 anos, jovem com risco iminente de suicídio se recupera cultivando tomates-cereja

Disponível para seus pacientes a qualquer hora do dia, a psicóloga Rayssa Lima foi surpreendida pela ligação de uma paciente diagnosticada com Transtorno de...

Cartilha em Braille sobre câncer de mama orienta mulheres deficientes visuais na Paraíba

Um trabalho desenvolvido em Campina Grande, na Paraíba, tem orientado mulheres deficientes visuais sobre o câncer de mama com uma cartilha em Braille. O projeto foi desenvolvido...

Instagram

USP descobre molécula que reduz tumor e evita metástase do câncer de ovário 5