Morador de rua oferece serviço de carreto para reencontrar a família de cabeça erguida

Morador de rua há mais de 30 anos, Jonas Manuel, tem uma veia empreendedora.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele trabalha todos os dias para sair da situação em que está, contrariando todos os pré-conceitos sofridos pelas pessoas em situação de rua, do tipo: “Moradores de rua estão na situação em que estão porque querem!”, “São acomodados!”, “Se acostumaram a viver de doações!”.

Durante o dia, ele cata recicláveis na Mooca, em São Paulo, e, no período da noite, faz a segurança de uma padaria que está desativada em troca de um abrigo para descansar. Ele também oferece serviços de carreto pela região.

Jonas comprou a Kombi com o dinheiro da venda dos recicláveis que cata na rua. “É o que vai me trazer estabilidade e fazer eu me reerguer”, diz, como um bom empreendedor.

Quando a situação melhorar, Jonas pretende procurar a família, de cabeça erguida, para abraçar as filhas e conhecer os netinhos, que ainda não teve a oportunidade de segurar no colo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você pode ajudar Jonas a antecipar esse reencontro com a família dele contratando seu serviço de carreto, principalmente se você mora em São Paulo, sobretudo na região da Mooca. Ele transporta móveis e pode levar ou buscar alguma encomenda.

O serviço custa a partir de R$ 50. Para entrar em contato, mande uma mensagem pelo WhatsApp para o número (11) 95813-0022.

[Atualização]

ex morador rua kombi trabalho internautas criam vaquinha

Morador em situação de rua por cerca de 30 anos, Jonas Manuel ralou (e muito!), todos os dias, para conseguir sair da situação em que se encontrava. Juntou dinheiro vendendo os recicláveis que catava na rua e, como um verdadeiro empreendedor, investiu na compra de uma kombi usada para trabalhar, antes mesmo de alugar um cantinho para morar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Era o que ia me trazer estabilidade e fazer eu me reerguer”, conta ele. Com a kombi, Jonas conseguiu aumentar consideravelmente a quantidade de recicláveis que catava na rua e, sempre que surgia a oportunidade, também fazia serviços de carreto. Juntou dinheiro para alugar um quarto numa pensão, foi fazendo melhorias na kombi e mudou-se da pensão para uma casa só dele. Na primeira noite, no entanto, a kombi de Jonas foi roubada na rua. Alguns dias depois, foi encontrada em péssimas condições.

O coletivo Entrega por SP soube da situação dele pelo voluntário Bruno Saraiva e, juntos, realizaram um financiamento coletivo para reformar o veículo e garantir alguns meses de aluguel para o Jonas. Tudo estava bem até a Kombi apresentar graves problemas no motor, em junho de 2019. Apesar de ter encontrado um mecânico solidário, ele já havia gastado todas as economias para mantê-la em movimento. Atualmente ele está sem a Kombi, porque ela não reage mais, e sem casa, porque não consegue pagar o aluguel. Está dormindo dentro do veículo, que fica na rua, e recolhendo recicláveis com um carrinho, para conseguir pagar o almoço. A meta de 28 mil reais é para garantir uma KOMBI NOVA, três meses de aluguel e a documentação do veículo. Vamos juntos apoiar esse guerreiro e fazer ele dar a volta por cima, mais uma vez?

Clique aqui para contribuir na vaquinha.

Com informações do The Greenest Post

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,839,934SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professora faz ‘Noite do Pijama’ para filha de amiga com paralisia cerebral

Luciana, vem cá pra eu te dar um abraço! 😍

SOS Manaus: Méliuz doa R$ 50 mil para vaquinha pelo amor que tem à cidade

A campanha SOS Manaus continua linda e ajudando muita gente! Já estamos levando os primeiros cilindros de oxigênio para que a situação da cidade...

Menino que montou lira com restos de materiais ganha instrumento novinho da PM

O estudante Lázaro da Silva Pereira, de 12 anos, viajou 53 quilômetros, de São Fidélis (RJ) até Campos dos Goytacazes para receber um presente,...

Vereadores de cidade do Paraná irão reduzir salários de R$ 6.210,00 para R$ 800,00 após pressão popular

Os vereadores da Câmara de São Mateus do Sul, cidade que fica a 160 km de Curitiba, no sul do Paraná, aprovaram nessa segunda-feira,...

Com consultório móvel, pediatra atende crianças carentes vestido de Super-Homem no DF

No mês passado, o pediatra brasiliense Ricardo Fonseca, 36 anos, montou um consultório móvel completo para atender crianças carentes que vivem nas cidades-satélites do...

Instagram