Morador de Sertãozinho faz cadeiras de rodas de graça para cães

No interior de São Paulo, mais exatamente na cidade de Sertãozinho, o eletricista Glauber Pereira de Souza está usando seu tempo livre para construir cadeiras de rodas para animais deficientes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Um dia, conversando com uma amiga que buscava uma dessas cadeirinhas para seu melhor amigo, ele ficou comovido, pois a cadelinha não podeia se locomover e tudo que tinha no mercado era muito caro.

Então ele resolveu criar uma para ajudá-la.

Para isso, pesquisou na internet alguns modelos, tirou as medidas e fez a estrutura com ubos de PVC e barras de alumínio.

E o resultado é esta carinha feliz, olha só:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Morador_de_Sertaozinho_faz_cadeiras_de_roda_de_graca_para_caes_que_nao_podem_mais_andar-777x437

Fonte: Jornal de Boas Notícias

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Este é Junior Cox, com 2 meses de idade e provavelmente o bebê mais cabeludo do mundo

Uma vez publicamos uma lista de fotos de bebês que nasceram muito cabeludos (se sua memória está curta, relembre aqui) A história se espalhou rapidamente...

Voluntária registra recuperação de bebês prematuros para diminuir angústias de pais com filhos na mesma situação

Deneen Bryan é uma mãe de seis filhos que desenvolve um trabalho voluntário surpreendente. Responsável pelo projeto Capturing Hopes Photography (Capturando Esperanças), ela tira...

Noiva decide ela mesma ser a fotógrafa de seu casamento

Liisa Luts, uma fotógrafa de Tallinn, e seu marido decidiram fazer algo incomum para o seu casamento. O casal, que comanda juntos uma pequena empresa de fotografia...

Universidade desenvolve pratos descartáveis feitos de folhas

As tigelas suportam até água quente, sem vazamento e se degradam naturalmente depois de serem descartadas.

Instagram

Morador de Sertãozinho faz cadeiras de rodas de graça para cães 2