É lei: moradores de rua devem ser atendidos pelo SUS

Já imaginou você precisar de atendimento médico no SUS (Sistema Único de Saúde), e não conseguir porque não tem um comprovante de residência? Até pouco tempo, essa era a realidade de indivíduos e famílias em situação de vulnerabilidade social ou risco social, como os moradores de rua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Não será mais graças à Lei 13.714/2018, que proíbe expressamente o SUS de recusar atendimento para essa parcela da população. A medida foi publicada no Diário Oficial da União, na segunda-feira (27). As informações são do SenadoNotícias.

Leia também: Projeto leva atendimento médico humanizado para moradores de rua em diversas cidades do país

O texto original do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 112/2014 obrigava a criação de uma identidade visual para o Sistema Único de Assistência Social (Suas), que pudesse identificar os locais que oferecem esse serviço para a população. Ela seria nos moldes do SUS, com símbolo próprio para identificar as unidades públicas estatais, as organizações de assistência social, os serviços, programas, projetos e benefícios vinculados ao Suas.

A emenda que determina o atendimento aos moradores de rua, geralmente assistidos por instituições filantrópicas, foi sugerida pelo senador Eunício Oliveira. Agora, é assegurado a essas pessoas “a atenção integral à saúde, inclusive com dispensação de medicamentos e produtos de interesse para a saúde”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

crédito da foto: Rovena Rosa/Agência Brasil – Fotos Públicas

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,829,971SeguidoresSeguir
24,599SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Em vídeo, garis compartilham os perrengues da profissão e ensinam sobre descarte correto do lixo

Nem todo mundo imagina os perrengues que os garis passam todos os dias durante as coletas. Há o risco de queda, cortes, infecções e muitos...

Catadores de recicláveis ganham biblioteca infantil em Itaguaí (RJ)

Catadores de material reciclável de Itaguaí ganharam uma biblioteca comunitária que vai atender crianças de 4 a 10 anos.

Pai se veste de Homem-Aranha para surpreender filho após transplante. “O doador da medula fui eu”

O pequeno Enzo Gabriel, de 3 anos, está em recuperação de uma cirurgia de transplante e ganhou um super presente do pai... Quer dizer, do Homem-Aranha!...

Muita emoção: dois irmãos daltônicos conseguem ver as cores pela primeira vez na vida

O número de pessoas daltônicas no mundo chega a 300 milhões, o que é bastante expressivo, fora as pessoas que não sabem que são...

Com apenas 10 anos, garotinha monta biblioteca para incentivar crianças a ler

Quanto mais as crianças leem, melhores alunos, ouvintes, cidadãos críticos, leitores e escritores elas se tornarão no futuro. Mas, no Brasil, o hábito da...

Instagram

É lei: moradores de rua devem ser atendidos pelo SUS 1