Empresa oferece mudança gratuita para vítimas de violência doméstica

Infelizmente, mais pessoas reclusas em casa devido ao Covid-19 significa mais casos de violência doméstica. 😞

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com um artigo publicado no renomado jornal The New York Times, as vítimas são mais propensas à violência física, bem como a outros tipos de comportamento abusivo, como isolar esse indivíduo de amigos, familiares e colegas de trabalho, mesmo que virtualmente.

“O isolamento domiciliar, por mais vital que seja na luta contra a pandemia, está dando ainda mais poder ao agressor”, disse Marianne Hester, socióloga que estuda relacionamentos abusivos.

Ciente dessa realidade, uma empresa especializada em mudanças e remoção de lixo está dedicando uma parte da sua frota de caminhões para ajudar, gratuitamente, na mudança de pessoas vítimas de violência doméstica.

empresa oferece mudança gratuita vítimas violência doméstica
Foto: College HUNKS Hauling Junk & Moving

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O Razões tem seu próprio podcast para espalhar boas notícias, ouça os episódios na sua plataforma favorita clicando aqui.

A College HUNKS Hauling Junk & Moving foi fundada em 2003 por dois estudantes universitários. O negócio, com sede na cidade de Tampa, na Flórida, tem prosperado desde então, com mais de 100 franquias espalhadas pelos EUA.

O termo ‘HUNKS’ é um acrônimo para “Serviço Honesto, Uniformizado, Agradável e Inteligente“, em tradução livre, algo que a empresa adota como um mantra para seus clientes e que tem levado ela a se considerar uma organização socialmente consciente.

Essa direção motivou Nick Friedman, presidente da College HUNKS, a abraçar o enfrentamento da violência doméstica, especialmente em tempos de coronavírus.

“Como uma empresa nacional orientada para fins sociais, queremos ajudar nossas comunidades e vizinhos durante esses momentos únicos”, disse Nick.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

empresa oferece mudança gratuita vítimas violência doméstica
Foto: College HUNKS Hauling Junk & Moving

Canal Coronavírus: veja boas notícias, vagas home-office e como ajudar pequenos negócios clicando aqui.

Como funciona

Um abrigo parceiro comunica a College HUNKS sobre algum caso comprovado de violência doméstica. Nesse momento, a empresa age, entrando em contato com a vítima e oferecendo seus serviços, além de outros tipos de apoio, como jurídico e policial.

A mudança é feita com a ajuda de funcionários contratados e voluntários, resguardada com ajuda de policiais e seguranças privados.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Projeto “Favelas Esquecidas” distribuirá cestas básicas para famílias que estão vivendo no isolamento social sem ter o que comer. Saiba aqui como participar.

“Com mais de três quartos da população dos EUA mandados para ficar em casa para conter a propagação da pandemia, podemos assumir que nenhum lugar é seguro para as vítimas de violência doméstica”, afirmou Friedman.

“É crucial que todos os americanos se sintam seguros durante esta pandemia, especialmente aqueles vulneráveis ​​a abusos e danos”, concluiu.

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

Fonte: Tanks Good News

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,855,215SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cachorra é encontrada em frente aos escombros da casa dos donos 60 horas depois de terremoto na Itália

O mundo ainda está assustado com a agressividade do terremoto que devastou várias cidades na Itália, de acordo com as agências Efe e France...

Abrigo permite que moradores de rua levem seus animais em SP

O inverno chegou com força este ano. Se mesmo em casa passamos um frio danado, imagine os moradores de rua e os seus animais....

Única brasileira aprovada em intercâmbio na Califórnia, baiana cria vaquinha para custear viagem

Liliane criou uma vaquinha para custear a viagem e as despesas que terá durante sua estadia no intercâmbio. Ela é a única brasileira selecionada pelo programa!

Neste supermercado, eles plantam no meio do corredor o que você colhe e compra

O mercado METRO, em Berlim, está testando uma nova forma de vender produtos em sua área de feira. Eles estão plantando dentro da própria...

Empresário entra com Jipe em córrego de Taboão e resgata cachorra ilhada

Semana passada, moradores da região do Intercap, bairro de Taboão da Serra, avistaram uma cachorra da raça Cocker ilhada dentro do Córrego Poá, na...

Instagram