Mulher acolhe cãozinho que apareceu em sua casa ‘pedindo’ ajuda após ser agredido na rua

Antes de ser acolhido por uma família amorosa, o cão Tijolinho foi exposto às mais terríveis crueldades praticadas por pessoas ruins de coração.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com sua tutora, Patricia Prates, de Aracruz (ES), o cachorro foi espancado na rua por um grupo de delinquentes antes de ser encontrado por ela à beira da morte, sofrendo muita dor. “[Também estava com muita] fome, sede e medo, muito medo”, relatou a mulher.

Mulher acolhe cãozinho que apareceu em sua casa 'pedindo' ajuda após ser agredido na rua 3

Patricia costuma deixar uma vasilha com água fresca na porta de casa para cães de rua andarilhos poderem se refrescar. Naquele dia, Tijolinho tentou beber daquela água, mas só viu o sangue dos seus ferimentos se misturarem ao líquido, deixando-o todo vermelho.

Nessa hora, a mulher abriu a porta e encontrou o cão. Consternada com a situação, Patricia envolveu-o nos braços, deu-lhe banho, medicou-o e por fim, providenciou um lugar quente para que Tijolinho descansasse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma visita ao veterinário permitiu que o pequeno pudesse ser melhor medicado e examinado. Em pouco tempo, ele estava bem e pela primeira vez, acolhido por uma família.

Mulher acolhe cãozinho que apareceu em sua casa 'pedindo' ajuda após ser agredido na rua 4

“Eu não entendi na hora, mas depois apareceu aquela moça que todos os dias colocava água e comida na calçada, aquela que abriu o portão justamente na hora que eu passava, aquela que não me ignorou, pois todos da rua já tinham visto meu sofrimento… Hoje ainda moro na mesma rua , porém do portão pra dentro, sendo amado e cuidado!”, escreveu Patricia em um post no Facebook.

“Ah! Aquela moça que abriu o portão, é minha mãe agora, além de mim , ela tem mais 9 assim tipo eu! Quanto ao tio veterinário, vou lá as vezes tomar banho e vacinas! Sou muito feliz agora! Que bom que a mamãe abriu aquele portão ❤️ Que bom ser amado!”, concluiu. Felicidades, Tijolinho!

Junto à Stone, viajamos o Brasil para mostrar negócios que muita gente acha que não daria certo na nossa terrinha – e dão! Veja o 7º EP da websérie E se fosse no Brasil?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Mulher acolhe cãozinho que apareceu em sua casa 'pedindo' ajuda após ser agredido na rua 6

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,971,659SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professor investe o próprio salário em Vanteca para fomentar leitura em Campo Grande (MS)

Para o professor Ronilço, não existem limites quando se trata de fomentar a leitura!

Bailarina com síndrome de Arnold Chiari supera pescoço fixo e apresenta lindo espetáculo

Essa é uma história de como a arte cura. Wilmára Marliére tem 53 anos de idade e desde criança sofre com a Síndrome de...

Entenda porque a foto desse homem salvando duas crianças da enchente do furacão Harvey viralizou

O furacão Harvey, que já provocou mais de 30 mortes e centenas de feridos, tem transformado algumas pessoas em verdadeiros heróis. É o caso de Rick...

Sul-africana vence Miss Universo 2019 e manda recado para meninas negras

"Eu quero que as crianças olhem para mim e vejam seus rostos refletidos no meu”, declarou a sul-africana Zozibini Tunzi, eleita Miss Universo 2019.

Instagram

Mulher acolhe cãozinho que apareceu em sua casa 'pedindo' ajuda após ser agredido na rua 7