Aos 70, mulher dá à luz seu primeiro bebê após 54 anos tentando: ‘Sonho que se torna realidade’

0
854

Aos 70 anos, Chandravati pode se considerar uma mulher de sorte: no início deste mês ela comemorou com muitas lágrimas de felicidade a chegada de seu primeiro filho após mais de cinco décadas tentando engravidar com o marido.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Apesar de tudo, eles nunca perderam a esperança.

Chandravati, de Rajasthan, na Índia, deu à luz um menino saudável de aproximadamente 3 kg no último dia 8 de agosto. Isso foi possível graças a uma rodada bem-sucedida de fertilização in vitro (FIV).

Aos 70 anos, mulher dá à luz seu primeiro bebê após 54 anos tentando
Foto: Jam Press/Rare Shot News

Ela e seu esposo, Gopichand, – ambos septuagenários hoje em dia (ele tem 75 anos) – estavam tentando ter um filho desde o distante ano de 1968, quando Richard Nixon se tornou presidente dos Estados Unidos e os humanos ainda não haviam chegado à Lua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Lágrimas de felicidade saíram dos olhos de Chandravati o dia todo. Gostaria de aproveitar a oportunidade para dizer que os bebês nascidos através da fertilização in vitro são iguais e de mesmo valor do que todos os outros”, afirmou Gopichand, um ex-soldado do Exército indiano aposentado.

Desde o final dos anos 1960 o casal tentava conceber uma criança, sem sucesso. Eles visitavam os médicos para fazer exames e check-ups de rotina regularmente, além de receber conselhos.

Aos 70 anos, mulher dá à luz seu primeiro bebê após 54 anos tentando
Foto: Jam Press/Rare Shot News

Recentemente, Chandravati e Gopichand resolveram dar um passo mais firme em direção ao sonho de terem um filho, apesar da idade mais avançada de ambos.

Com um parente próximo, eles foram até um centro de fertilidade e conseguiram conceber na terceira rodada de fertilização in vitro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Aos 70 anos, mulher dá à luz seu primeiro bebê após 54 anos tentando
Foto: Jam Press/Rare Shot News

Histórico de recordes na Índia

Em 2019, a aposentada indiana Erramatti Mangayamma foi coroada a pessoa viva mais velha do mundo a dar à luz depois de ter gêmeos aos 74 anos.

O jornal New Indian Express também relata que Erramatti e seu marido chegaram à clínica em cima da hora, pois novas leis que entraram em vigor a partir de junho de 2022 estabeleciam que “nenhum centro de fertilização in vitro poderia fornecer tratamento a mulheres e homens acima de 50 anos”.

O especialista em fertilização in vitro Dr. Pankaj Gupta disse: “Existem apenas alguns casos de crianças nascidas nessa idade em todo o país. Em Rajasthan, é mais raro ainda. Por isso, Chandravati e Gopichand foram alçados ao posto de celebridades locais”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Aos 70 anos, mulher dá à luz seu primeiro bebê após 54 anos tentando
Foto: Jam Press/Rare Shot News

No sistema público de saúde do Reino Unido, referência mundial em fertilização in vitro, recomenda-se que a terapia seja oferecida a mulheres com menos de 43 anos que estão tentando engravidar a mais de dois anos, acrescentando que acima desta idade, os riscos  à saúde da gestante são muito consideráveis.

Fonte: Viralistas

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.