Mulher viaja 3000 quilômetros até Curitiba para fazer doação de medula óssea para desconhecido

Amanda Geyza dos Santos Nogueira viajou incríveis 3.000 km (apenas de ida!) para fazer uma doação de medula óssea na qual se ofereceu como voluntária a um desconhecido em Curitiba, Paraná.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pernambucana residente de Salgueiro, município de 60 mil habitantes do interior do estado, Geyza foi selecionada pelo Redome (Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea) para efetivar sua doação.

O Redome é um banco de dados público, financiado pelo Ministério da Saúde, e conecta centenas de voluntários a indivíduos que necessitam de doação de medula óssea, alguns em caráter emergencial. Eles entraram em contato com o hospital local de Salgueiro, que em seguida contatou Amanda para iniciar o procedimento.

Leia tambémMenina de 3 anos sobrevivente de um câncer vira dama de honra do casamento do seu doador de medula óssea

Ela está cadastrada há quatro anos, e foi submetida a testes um ano antes para comprovar a compatibilidade com o receptor – 98% compatível, no caso.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 12 de janeiro, Amanda finalmente viajou para a capital paranaense com todas as despesas pagas pela OMS (Organização Mundial da Saúde), onde pôde se submeter à cirurgia e consequente doação da medula óssea ao seu receptor.

Mulher viaja 3000 quilômetros até Curitiba para fazer doação de medula óssea para desconhecido
Amanda viajou incríveis 3.000 km (apenas de ida!) para fazer uma doação de medula óssea. Foto: Reprodução / Blog do Alvinho

A pernambucana retorno para Salgueiro uma semana depois, no dia 20, com uma sensação plena de dever cumprido: “O que me motivou foi o amor ao próximo. Muita gente deveria ter essa bondade, mas poucos têm”, disse.

Não demorou muito para que o ato humanitário de Amanda repercutisse (positivamente) na cidade. Ela recebeu dezenas de elogios de vizinhos, amigos e colegas de trabalho, além de desconhecidos com quem cruza na rua.

Leia tambémApós dois transplantes, tatuador incentiva doação de medula óssea com campanha

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma das vereadoras da cidade, Paizinha Patriota (PV-PE) pretende homenageá-la em uma sessão plenária com os demais congressistas da cidade, logo após a volta do recesso da Casa Epitácio Alencar.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Alvinho Patriota

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,644,941SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Projeto de lei quer tornar educação ambiental disciplina obrigatória na escola

O ensino da educação ambiental como disciplina na escola pode contribuir para a conscientização das novas gerações sobre o uso indevido dos recursos naturais,...

Casal se reencontra 46 anos depois de romper noivado e se casa

Uma história com roteiro de novela. O amor do casal Cione e Carlos Arthur resistiu a rumos de vida diferentes e se reencontrou 46...

Após relato de irmã, autista ganha sacola de produtos da ‘Dora, a Aventureira’

Camila Pavan conseguiu mais do que o quebra-cabeça com todos os personagens da animação para seu irmão autista.

Amigos se unem e compram carro para catador de reciclagem, em SP

Quando alguém se mobiliza para ajudar o próximo, sempre vemos histórias inspiradoras! O Sr. Claudemir é catador de reciclagem e tem passado algumas dificuldades nesta...

Dado como morto e com paralisia cerebral, indiano conclui doutorado

O indiano Akshansh Gupta, 32 anos, terminou recentemente seu doutorado em interface cérebro-computador na prestigiada Universidae Jawaharial Nehru, em seu país natal. Gupta, dado como...

Instagram