Mulher salva mãe e bebê de 3 meses de explosão em acidente

Você já passou por algum momento traumático no qual pensou que não sairia com vida? Pois é, o medo, com certeza, te deixou convencida de que não haveria nenhuma saída para sua sobrevivência. E esse foi o caso de Catharina Lirya que sofreu um terrível acidente de carro na Dutra, em São Paulo. Tudo aconteceu por conta de um carro que ‘entrou com tudo’ na estrada e um ônibus acabou ‘fechando-os’ na mesma hora. Logo, eles bateram na lateral da pista e o carro capotou. “Eu amamentava meu filho na época, ele tinha 3 meses quando batemos e eu fiquei escondida com ele pra ele mamar e pra ele não dormir enquanto chegava o resgate”, revela ela.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na mesma hora, todos que estavam no ônibus começaram a descer para ver o ocorrido, fazendo que a pista parasse. Foi aí que, de repente, uma mulher chamada Alessandra começou a chamar Catharina para dentro de seu carro. “Eu só conseguia falar pra ela que o carro ia explodir, porque era isso que gritavam na hora. Ela disse ‘não vai! vem aqui’ e me colocou dentro do carro dela; eu tava toda cheia de sangue na boca. E ela só falava que não tinha nada demais! Coisa mais linda”, contou.

Na hora do trauma, tudo o que Catharina conseguia pensar era para que Deus deixasse seu filho e, depois que tudo passou, o carro terminou de capotar e ambos conseguiram sair pela janela. “Eu pensava nele e se ele tava machucado por dentro. Eu não chorei para não passar a sensação de susto pra ele, já bastava toda situação”, revelou. Sem falar em todo o esforço que Alessandra fez para se mostrar forte para ajudar os dois a enfrentarem aquela situação. “Ela foi uma fortaleza incrível naquela hora. Ela conseguiu passar uma calma e um conforto que eu jamais pensei! Nem no resgate me senti tão segura. Eu só queria dizer pra ela, pro filho dela, Pedro, que eles são pessoas incríveis. Foram anjos em forma de gente naquela noite”, disse Catharina.

mulher salva mãe bebê explosão acidente mulher salva mãe bebê explosão acidente

Leia também: Brasileiros abrem suas casas para desconhecidos que fogem de furacão nos EUA

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que mais impressionou foi o fato de que apenas Alessandra ofereceu ajuda quando diversas outras pessoas só olhavam e gritavam “tinha um bebê, tinha um bebê”. Para ela, o choque de ter uma criança no acidente fez com que todos ficassem receosos, impedindo-os de agir. Mas, de qualquer forma, Catharina entende que “se tivessem mais Alessandra’s o mundo seria muito melhor”. Você concorda? Seria realmente maravilhoso se todos pudessem ter atitudes incríveis assim no dia a dia, não acha?!

[Nota da Redação]

Agora temos um canal no YouTube! Assista ao primeiro vídeo falando sobre uma inciativa que une Brechó com adoção de animais:

atendente burla regras empresas atender cliente agredida namorado

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Reprodução/Catharina Lirya

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,020,259FãsCurtir
2,152,628SeguidoresSeguir
11,490SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovens e agricultores se unem e abrem bibliotecas na zona rural da Paraíba

Eu já estou apaixonado por essa história antes mesmo de começar a contar pra vocês. Esse é um exemplo de que a união entre...

Após alagamento, vaquinha arrecada R$117 mil e idosos ganharão um lar novo (BA)

Os velhinhos da Casa de Idosos Giuseppe Aras, em Itabela (BA), vão ganhar um lar novo! O asilo onde os 34 idosos moravam ficou alagado...

Pescadores salvam 5 tartarugas marinhas presas em rede de pesca

Na praia de Araranguá, em Santa Catarina, o que tinha tudo para ser apenas mais um dia normal para alguns pescadores, transformou-se em uma...

Batismo de bebê conta com bençãos de familiares católicos, espíritas, evangélicos e umbandistas

Quando completou três meses de vida, o pequeno Iago recebeu as bençãos de sua família, cada qual à sua maneira: uma avó é católica,...

Itália começa a sair do confinamento com reabertura de comércio e igrejas

Hoje (18) o dia amanheceu diferente na Itália. Amanheceu “lindo e excitante” como descreveu um barman de Roma. Após dez semanas de portas fechadas, lojas,...

Instagram