Início SOCIAL Cidadania Voluntária leva aulas de yoga para mulheres da periferia de São Paulo...

Voluntária leva aulas de yoga para mulheres da periferia de São Paulo e eleva autoestima

“Hoje eu sinto vontade de olhar pra mim”, diz uma das alunas da arte-educadora e atriz Sophia Bisilliat no filme Laje, criado e produzido pela jornalista Renata Veneri e dirigido por Fábio Brandão. O vídeo revela o impacto da yoga na autoestima de mulheres da Vila Fundão, no Capão Redondo, extremo Sul da capital paulista.

“Eu posso querer mais pra mim” e “Minha autoestima está super alta” são outras falas que aparecem ao longo do vídeo. Sophia contou ao Razões para Acreditar que fica bastante feliz em saber que tem uma parcela importante no resgate da autoestima de suas alunas.

“Um dos objetivos é esse mesmo! Que elas se sintam cada vez melhores e mais satisfeitas com elas mesmas, felizes, com a autoestima alta. O objetivo é oferecer o melhor que nós temos pra elas que têm poucos recursos. E se isso já dá resultado, é maravilhoso!”

Leia também: Como um professor de Yoga está salvando bombeiros dos EUA da depressão

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

E hoje o @treinonalaje teve a visita das queridas: cozinheira @o_butia e nutricionista @mari_sala passando seus ensinamentos de #sucoverde #alimentacaosaudavel #bolodebagaçodecucoverde às meninas , a cada dia mais incrível esses momentos juntas

Uma publicação compartilhada por Treino na Laje (@treinonalaje) em 2 de Dez, 2018 às 4:31 PST

Sophia pratica o voluntariado há mais de 20 anos. Trabalhou inclusive com detentos do extinto Carandiru e de outros grandes presídios brasileiros: trajetória mostrada no documentário Entre a Luz e a Sombra, roteirizado e dirigido por Luciana Burlamaqui.

“Eu comecei com 18 anos, quando eu fui trabalhar em presídios. Antes de ir para o Carandiru eu fui para o presídio de Taubaté. Aí depois de um ano mais ou menos, eu fui para o Carandiru. Lá, eu fiquei muito tempo e fiz muita coisa. Comecei fazendo teatro, circo… Eu coordenava, na verdade, e quem fazia tudo eram eles: texto, figurino…. Eu meio que dava suporte. Depois passou pra uma fase que chamava Talentos Aprisionados, onde eu resgatei vários talentos na área da música, literatura, das plásticas. Foram muitos anos mesmo!”

Depois que o Carandiru foi demolido, Sophia foi para a favela. Realizou várias atividades e eventos em diferentes comunidades. Até que um dia uma amiga perguntou se ela não dava aula de yoga em favela. Sophia disse que não, mas nasceu ali o Treino na Laje. As aulas de yoga acontecem todos os sábados no final da tarde: faça chuva, faça sol, Sophia está lá! Ela mora na Pompeia, Zona Oeste, e vai de bicicleta até o Capão Redondo: 1h30 de pedal. 🚲

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Amooooo!!!!! A yoga realmente é transformadora, está fazendo tão bem a todas, como fico feliz 💜 vocês são DEMAIS

Uma publicação compartilhada por Treino na Laje (@treinonalaje) em 2 de Fev, 2019 às 3:26 PST

“Foi difícil achar um horário porque muitas trabalham; poucas não trabalham. A gente teve que achar um horário comum. E são todos os sábados, eventualmente também domingos. Eu chego lá umas 15h30, 16h, e saio, tipo, umas 20h. Eu só quero que elas tenham um tempo pra elas. Inclusive, as crianças começaram a aparecer.”

Leia também: Gari com baixa autoestima ganha transformação “babadeira”

É fácil de entender o interesse das crianças, pois não tem muito o que fazer na favela.  E não apenas os filhos das suas alunas aparecem por lá, mas também filhos de mulheres que não vão às aulas. Por isso que eventualmente Sophia dá aula nos domingos só para a criançada, deixando o sábado para a mulherada.

Fora as aulas, Sophia e suas alunas fazem caminhadas em volta à favela. E adivinha? As crianças também querem participar. “A gente começa nossa jornada com a caminhada. E aos poucos as crianças começaram a perguntar se poderiam ir. Eu achei estranho. Criança geralmente quer fazer outra coisa. Mas aí eu percebi que sair das vielas e ruas estreitas abre um outro horizonte. E, tipo, duas tinham bicicleta.”

Para as outras não ficarem tristinhas, Sophia começou uma campanha para doações de bicicletas. Ela conseguiu algumas bicicletas, mas a maioria é bicicleta adulta. Por isso, ela ainda está atrás de bicicletas menores. A ideia é fazer um grupo de pedal do Treino na Laje.

Leia também: Dentista devolve autoestima a jovem que perdeu os dentes

Incansável na arte de dar o seu melhor, Sophia vira e mexe leva amigos para ajudar a comunidade da Vila Fundão. As bailarinas Ariana Castro e Fernanda Fiuza, os professores de yoga Pedro Moreno e Paulla Carvalho, o fotógrafo João Wainer, a dentista Eliane Abdalla e o estilista Marcelo Sommer são alguns dos profissionais que já colaboraram com projeto Treino na Laje. A JCP Esportes também realiza atividades recreativas com as crianças.

“Eu sou muito ‘cara de pau’, né? Pergunto mesmo. O Instagram tá me ajudando muito. Porque muita gente vê, e aí alguns se oferecem, e outros que não se oferecem eu peço 😄 Eu vou pedindo, coisa que eu mais tenho é ‘cara de pau’. E outras pessoas se prontificam a ir. Aí é só formar uma agenda e ir. É bem legal! E em diversas áreas, na dança, na yoga, desfile [eu vou fazer um desfile], uma dentista já foi. Várias professoras de yoga, duas de dança. Uma cozinheira já foi e vai de novo.”

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Hoje o dia foi lindo ❤ recebemos de braços abertos a linda @corperio_ #puroamor #yoga #aprendizado #doçura #calma #meiga Paulinha

Uma publicação compartilhada por Treino na Laje (@treinonalaje) em 16 de Fev, 2019 às 5:21 PST

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Hoje é dia de #dentista no @treinonalaje recebemos a visita da querida @abdallaeliane @vivvviiiiiiiiii para aplicação de flúor e avaliação dentária

Uma publicação compartilhada por Treino na Laje (@treinonalaje) em 15 de Dez, 2018 às 9:18 PST

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

João Victor, talentos natos a serem lapidados pelo mestre @pedr0m0ren0 #yoga #ashtangayoga #urdhvadhanurasana #ponte #talento #talentonato

Uma publicação compartilhada por Treino na Laje (@treinonalaje) em 19 de Jan, 2019 às 3:24 PST

Sempre cabe mais gente, né, Sophia! Pessoas ou empresas que querem somar no Treino na Laje serão sempre bem-vindas! Muita coisa já foi feita, mas muita coisa precisa ser feita. Quem tiver interesse pode entrar em contato pela página do Treino na Laje no Instagram. Corre lá!

Ah, assista ao filme Laje, que conta sobre tudo o que acabamos de falar e mais um pouco. 🎬

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

mulheres capão redondo yoga

crédito das fotos: Reprodução/Instagram @treinonalaje

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

980,196FãsCurtir
1,669,942SeguidoresSeguir
8,188SeguidoresSeguir
10,900InscritosInscrever

+ Lidas

Médico faz desenhos em curativos de crianças após cirurgias

O cirurgião pediátrico Robert Parry sempre tira um momento após uma cirurgia para garantir que uma cicatriz não seja a única lembrança duradoura do...

Mãe pede pizza só para ver o filho entregar no primeiro dia de trabalho

Lindo gesto de amor da mãe para incentivar o filho no novo trabalho!

Vizinhos cuidam da lavoura de família que busca tratamento para filhas

Essa é uma daquelas histórias para encher o nosso coração de esperança nesse início de ano. Mais de 100 pessoas fizeram um mutirão para...

Fotógrafo capta momento em que esquilo cheira flor amarela e imagem viraliza

As fotos foram publicadas no Instagram e Facebook há quase dois meses, mas só agora viralizaram na internet.

Passarinho deficiente ganha sapatinhos ortopédicos para caminhar sem dor

Um passarinho com deficiência foi resgatado pela equipe da ONG norte-americana California Wildlife Center (CWC) enquanto perambulava com bastante dificuldade pelas ruas. O pequeno nasceu...

Instagram