Mulheres que viveram momentos difíceis ganham festa para celebrar amor próprio

Mulheres que passaram por momentos difíceis e chegaram até a pensar em suicídio ganharam uma festa especial em Belo Horizonte (MG).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A celebração de amor próprio contou com vestidos de gala, cabelo e maquiagem caprichosamente feitos para elas.

“A ideia surgiu quando perdemos uma colega para o suicídio (ela tinha depressão). Além disso, tive uma amiga que quase fez o mesmo. Ela passou quase um mês se desintoxicando dos remédios que tomou”, disse Gislaine Lima, uma das organizadoras do evento.

Mulheres ganham festa para celebrar amor próprio

“Eu chorei muito com o acontecido, fiquei muito magoada, porque a gente sente [por eles], somos seres humanos. Daí decidimos fazer a Festa do Amor Próprio“, complementou.

O momento de confraternização é o ponto alto de felicidade após muito tempo de sofrimento. Cerca de 50 mulheres, que tem a superação como fator comum, participaram da celebração.

Mulheres ganham festa para celebrar amor próprio

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“A maioria [passou por dificuldades] devido a términos complicados de relacionamentos. A partir daí a depressão ‘pegou forte’. Algumas mulheres sofreram violência doméstica, outras abuso sexual, [trauma] que carrega desde a infância, outras problemas profissionais”, relata Gislaine.

Como cada história de vida é única, sempre vale a pena reforçar o conceito de amor próprio. Por isso, essas mulheres tiveram palestras sobre o assunto.

Mulheres ganham festa para celebrar amor próprio

“As vezes estamos buscando amor próprio no outro e esquecemos que ele está o tempo inteiro dentro de nós”, diz Ellen Silvério, que trabalha como coach. “[…] Precisamos trabalhar o nosso autoconhecimento, a nossa beleza interior”, complementa.

Mulheres ganham festa para celebrar amor próprio

Entretanto, em meio à pressão da sociedade, se amar tem sido algo extremamente difícil para muitas pessoas, como um dia foi para a Esther.

“Eu comecei a ter uma série de problemas difíceis em casa, por 9 anos, e não aguentava mais. Não queria mais nada. Não queria viver”, diz a jovem, que frequentemente se automutilava com um estilete.

Mulheres ganham festa para celebrar amor próprio

Quando a mãe de Esther descobriu, encaminhou-a para uma psicóloga e um psiquiatra, que a medicaram devidamente e passaram a acompanhá-la semanalmente. “Hoje, me sinto ótima e feliz”, afirma.

A depressão é uma doença e requer tratamento médico, mas uma palavra amiga é sempre bem-vinda: saber com quem podemos contar deixa a caminhada até a cura comprovadamente mais leve e abre espaço para pensamentos e práticas mais positivas, permitindo que o amor próprio floresça.

[Nota da Redação]

A cada bebê que traz ao mundo, o médico Calixto Hueb presenteia a mãe com uma arvorezinha para que a criança cresça com ela. É um primeiro presente à família do recém-nascido e também uma contribuição valiosa do médico para a preservação do meio ambiente. Vem conhecer mais essa história, dá play no vídeo abaixo:

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: R7/Fotos: Reprodução/Balanço Geral MG

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

985,324FãsCurtir
1,735,582SeguidoresSeguir
8,546SeguidoresSeguir
11,100InscritosInscrever

+ Lidas

Bióloga que salvou Arara Azul da extinção vira personagem da Turma da Mônica

Na última terça-feira (11), foi celebrado o Dia Internacional das Meninas e Mulheres na Ciência. Para comemorar a data, a Mauricio de Sousa Produções...

Juiz vai até a casa de idosa para lhe conceder aposentadoria

Um  caso incomum aconteceu há alguns meses, onde um juiz foi até a casa de uma senhora de 100 anos para conceder aposentadoria a ela. O...

Ortobom doa 500 colchões para vítimas de chuva em Raposos (MG)

A Região Metropolitana de Belo Horizonte foi a mais afetada pelas fortes chuvas que caíram em Minas Gerais nas últimas semanas. Um exemplo é...

USP retira coágulo de artéria no cérebro e devolve movimentos a vítimas de AVC

Cientistas adjuntos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo em Ribeirão Preto desenvolveram uma técnica eficaz na redução de quase a totalidade...

Neto faz “antes e depois” e homenageia avó em seu aniversário de 99 anos

A homenagem de um neto para sua avó no dia do seu aniversário de 99 anos comoveu as redes sociais nesta quinta-feira (13). Iury Neto,...

Instagram