Mulheres Guerreiras: série conta histórias de mulheres que marcaram a humanidade

O lugar das mulheres nos livros de história não está à altura das suas contribuições para as mais variadas áreas e que transformaram o mundo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi pensando nisso que o estudante de jornalismo Erick Reis lançou uma série no seu canal no YouTube para divulgar histórias de mulheres que marcaram a humanidade.

A série “Mulheres Guerreiras” pretende contar histórias de mulheres anônimas e conhecidas pelo grande público. Erick promete 33 vídeos, número simbólico que lembra o estupro sofrido por uma jovem de 16 anos em maio deste ano no Rio de Janeiro.

O primeiro vídeo da série conta a história de Winnie Mandela, que antes de ser esposa de um dos maiores líderes do século XX, Nelson Mandela, já lutava com bravura contra o apartheid na África do Sul.

Vem ver:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,505,556SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Artista norte-americano leva mais cor e vida a hospital de Campinas (SP)

O artista e designer norte-americano Jason Hulsfish, conhecido por levar cores vivas e lúdicas a todos os tipos de espaços, transformou um dos espaços...

[VÍDEO] Criança autista, apaixonada por motoboys, ganha homenagem de entregadores

Dudu tem 7 anos e é um garotinho autista, que tem paixão por motoboys. A Isabella Danzi é tia dele e compartilhou uma história...

Nadador vence câncer e fatura medalha nos Jogos Pan-Americanos

O nadador norte-americano Nathan Adrian, de 30 anos, é uma das grandes estrelas da natação nos Jogos Pan-Americanos de Lima. Na terça-feira (6), ele...

Baseada no tema “Make Love Not War”, Axe promove Paz em Lisboa

Em Portugal, coube ao coletivo artístico Half the Pipe, a tarefa de levar essa mensagem à comunidade. O local escolhido pela Axe foi a...

Instagram