Na Islândia, as pessoas comemoram o Natal trocando livros

Nada de roupas, brinquedos ou coisas do tipo. Na Islândia, os moradores comemoram o Natal trocando livros. Essa é uma forma de evitar o consumo exacerbado e incentivar a leitura.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Como o país fica localizado no hemifério norte, onde faz bastante frio, a tradição é um incentivo a mais para as famílias passarem a noite de natal trocando e lendo seus livros.

Mas, como ler é sempre bom, independente do clima do país, bem que o Brasil poderia importar esse costume. Assim, economizaríamos mais dinheiro para gastar com coisas realmente importantes. E, olha só, não precisa ser um livro novo, basta escrever uma dedicatória.

A leitura tem um lugar importante na cultura islandesa. Como mostra um artigo publicado pela BBC em 2013, um em cada dez moradores são leitores tão ávidos que acabam se tornando escritores.

O resultado disso é que o país, apesar de ter uma população pequena, tem mais leitores, escritores e livros publicados do que qualquer país do mundo, de acordo com a BBC.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações do CICLO VIVO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,429,587SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Todo ano engenheiro reúne mais de 2 mil crianças carentes em casa para festa de Natal

O engenheiro civil Marcelo Almeida Lima, 60 anos, de Teresina (PI), há 40 anos, reúne em sua casa mais de 2 mil crianças carentes...

Mulher tem 15% dos movimentos do corpo, mas não a impediu de realizar o sonho de ser artista

Fatemeh nasceu com uma doença rara que paralisou 85% do seu corpo, exceto alguns membros, como seus pés. E é com eles que a...

Crianças de 5 anos formam conselho deliberativo de escola pública em São Paulo

Elas fazem parte de um conselho deliberativo, chamado “Conselho da Criança”, que tem mudado a rotina e as decisões na gestão da escola. A primeira reivindicação dos pequenos foi o fim da obrigatoriedade do soninho após o horário de almoço.

Ex-vendedora de celular, modelo maranhense conquista NY e Milão

Amira Pinheiro, uma jovem maranhense viu, em apenas um ano, sua vida virar de cabeça para baixo: de vendedora de celulares e recepcionista de...

Garoto de 5 anos apaixonado por ônibus realiza sonho no dia do aniversário

Eu tenho certeza que o Luiz Fernando Queppi Campi nunca vai esquecer o aniversário surpresa que ele ganhou esse ano. Esse garotinho, de 5 anos,...

Instagram