Não cale-se frente ao Cálice 😉

Outra vez, meto-me a besta de tentar fazer alguma reflexão (e cada vez mais vejo que posicionar sobre algo pode ser perigoso), entretanto, a ÚNICA conclusão que consigo chegar é: PRECISAMOS TER PACIÊNCIA.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Estamos frente a algo inédito, todos sendo reeducados, ou melhor, educados (como quando aprendemos a discernir o azul do amarelo em um processo cognitivo intenso e complexo) e isso não tem fim e nem pode ter.

Amigos, vamos lembrar de nossas infâncias? Ok, todo mundo que está lendo já foi criança e esse processo talvez seja mais fácil de ser entendido por ser algo natural, entretanto, estou referindo-me a educação que recebemos: Ela foi construída e concebida com muita PACIÊNCIA. Crescer envolve o risco de errar, mas carambolas, quem erra não tem segundas intenções, pelo menos na “pureza” de seu ideal… Não quero me estender e nem perder o foco (perceberam o quanto esta palavra está sendo usada? rs), mas preciso chegar ao ponto da bendita paciência e também do respeito. Que não soe ufanista, mas isso tudo isso que ainda está acontecendo é muito bom e será bom para todas as esferas do Brasil, mas precisamos nos respeitar enquanto diferentes. Por mais que os objetivos estejam muito nebulosos, tente lembrar que isso só está acontecendo por que vencemos e, francamente, até encontrar um outro porto que acomode o tamanho de nosso barco (lotado de problemas e pessoas com vontade de resolvê-los), ele passará por águas ainda não navegadas… Partir para o próximo é normal, o que não podemos é parar de remar 🙂 Acredito que encontraremos muito em breve outra corrente à ser navegada e as coisas melhorarão para todos nós 🙂

É isso, precisamos ter paciência e talvez não seja necessário um julgamento por dia; Você pode (e deve!) ser consciente pelos seus atos, também pode iluminar os pensamentos de alguém, o que não podemos é brigar uns com os outros. A mídia é poderosa e está conseguindo o que busca (diminuir nosso protesto, enterrar a liberdade de expressão e colocar uns contra os outros, novamente). A esquizofrenia é consequência e faz parte… Seja lúcido!

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dar certo continua dependendo de mim, continua dependendo de você.

Existem MUITAS (e muitas) Razões Para Acreditar 🙂

 

Uma delas é o Rapper paulista Criolo que conquistou o público em 2010, ganhando vários prêmios e sendo reconhecido pelo cenário músical nacional e internacional. O resultado vai além de troféus e novos fãs a cada dia, caindo nas graças de artistas brasileiros, talvez, o maior deles sendo o incrível Chico Buarque. Alguns não sabem, mas Chico foi altamente perseguido pela ditadura brasileira. A música Cálice (1978) foi considerada subversiva pelos orgãos ditatoriais e mesmo sendo cantada com a letra modificada, muitos shows eram cancelados. Hoje, graças aos direitos adquiridos através de protestos, temos a liberdade de expressão. Em uma releitura para a música Cálice, Chicão (por ele mesmo assim denominado) respondeu a releitura com uma outra nova proposta:, Confira:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,850,069SeguidoresSeguir
24,964SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Pesquisadores criam purificador portátil de água para atender comunidades remotas

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, 3 em cada 10 pessoas sofrem com a falta de acesso à água potável, um direito humano...

Projeto registra o cotidiano de sobrevivente de AVC e prova que a vida não está no fim

Há 13 anos, Lúcia Kopschitz Xavier Bastos, ex-professora da Unicamp, passou por uma situação que mudou o rumo de sua vida. Vítima de um AVCI...

Gato rechonchudo ganha novo lar após 3 mil pedidos de adoção  

BeeyJay pesa 12kg e conquistou os amantes de felinos no Twitter, recebendo mais de 3 mil pedidos de adoção! Ele ganhou uma nova família e ajudou a promover a adoção de outros 20 gatinhos!

Essa senhora lê para animais em abrigos toda semana

Um dia por semana, quase toda semana desde que seu cachorro morreu há mais de um ano e meio atrás, Sandy Barbabella começou a participar do Western...

“Quero que ele seja melhor do que eu”, diz pai que deu cozinha de brinquedo para o filho de 2 anos

Na infância, aprendemos que existe brinquedo de menino e de menina. Por exemplo, os meninos não podem brincar de boneca, assim como as meninas...

Instagram

Não cale-se frente ao Cálice ;) 3