Navio movido exclusivamente a vento pode revolucionar o transporte marítimo

Uma empresa de transporte marítimo apresentou o projeto do primeiro navio cargueiro do mundo movido exclusivamente a vento e isso trouxe muitas expectativas para setor!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O Oceanbird (“pássaro do oceano”, em português) vem como uma iniciativa bastante positiva para combater a poluição, as mudanças climáticas e o aquecimento global.

Como vai funcionar o Oceanbird?

O navio é constituído de cinco velas de aço, que parecem asas de um avião. Quando são içadas, elas alcançam uma altura de até 105 metros de altura acima do nível do mar, conseguindo capturar a força do vento. É exatamente essa força que vai impulsionar o navio no oceano.

A mecânica do Oceanbird trará uma reedução de 90% no consumo de combustível para transportar uma carga através do oceano, diminuindo consequentemente a poluição.

O navio também até conta com um motor à combustão, mas será usado apenas para auxiliar nas manobras nos portos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

oceanbird

O navio

A estimativa é que o o governo sueco tenha investido 27 milhões de coroas suecas (cerca de 16,4 milhões de reais) para o desenvolvimento do Oceanbird.

O projeto é liderado pela Wallenius Marine, empresa de transporte marítimo do país, em conjunto com o Instituto Real de Tecnologia de Estocolmo e o instituto de pesquisa SSPA.

Todo o navio possui 200 metros de comprimento e 45 metros de largura. O protótipo foi pensado para o transporte de carros, caminhões e outros tipos de veículos.

De acordo com os responsáveis pelo projeto, o Oceanbird terá capacidade de transportar nada menos que 7.000 automóveis.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Poluentes

O Oceanbird se tornou muito importante, principalmente, por ser um projeto que ajuda no combate à poluição, algo que a Suécia tenta reverter desde o ano passado.

Atualmente no mundo, o transporte marítimo é responsável por 3% das emissões de CO2 no planeta.

O objetivo da Organização Internacional Marítima (IMO), agência ligada à ONU, é conseguir reduzir em até 50% as emissões de gases do efeito estufa do setor marítimo até 2050, numa comparação aos níveis divulgados em 2008.

O Oceanbird não é um navio cargueiro dos mais velozes, mas será o que causa menos impacto no aquecimento global.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Por isso, o tempo de transporte não se tornou um problema. Hoje, um navio comum leva cerca de 8 dias para fazer uma travessia pelo principais portos do mundo. Com o novo navio, a média seria aumentada para 12 dias. São 4 dias a mais, mas com menos prejuízo ao planeta.

Assista ao vídeo sobre o protótipo:

FONTE: A Soma de Todos os Afetos

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,860,568SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Como a busca por um bichinho de pelúcia terminou com uma incrível surpresa

No começo do mês de março, a mãe de Enzo, Viviane Maino, postou um apelo no Facebook: eles tinham perdido o Dié, um jacaré...

Agentes de trânsito ajudam idosa de 86 anos a reencontrar família após ela se perder na rua

Uma história que poderia ter tido um final triste não poderia ter acabado de um jeito mais surpreendente! 🙏 Na tarde de quinta-feira (29), uma...

[VÍDEO] Após perder todos os dentes por erro de dentista, americana recebe ajuda de outro profissional para recuperar autoestima

A americana Britanny Negler, da Filadélfia (EUA), viu sua vida virar de cabeça para baixo com a perda do seu irmão para o câncer. Nas...

Cabeleireiro libera Wi-Fi do seu humilde salão para crianças sem internet estudarem

No Paraguai, um cabeleireiro fez bonito ao liberar o Wi-Fi do seu humilde salão para crianças com dificuldade de acesso à internet para acompanhar...

Jovem brasileira quer acabar com a falta de moradia imprimindo casas

Aos 22, Anielle Guedes já fez discurso nas Nações Unidas, em Genebra, na Suíça, é embaixadora do [email protected] no Brasil e acaba de ser convidada para falar...

Instagram