Pizzaria emprega funcionários com deficiências e faz sucesso nos EUA


Pizzaria emprega funcionários com deficiências e faz sucesso nos EUA 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

A ideia da pizzaria é do casal Walter Gloshinski e Judy, de Nevada, Estados Unidos. “Nós fizemos isso porque precisava ser feito”, disse Gloshinski à ABC News.

Gloshinski trabalhou como educador especial nos Estados do Texas, Califórnia e Ohio durante 25 anos e pôde criar programas onde jovens com deficiência eram capacitados para trabalhar em padarias e pizzarias.

“Decidimos abrir uma pizzaria … e estamos fazendo tudo com nosso próprio dinheiro”, disse. “Tentamos avaliar as habilidades, e colocá-los em uma situação onde eles podem ser bem sucedidos e crescerem. Um dos nossos formandos faz todos os pratos e agrupa as caixas de pizza.”

PUBLICIDADE ANUNCIE

deficientes_pizza2

O casal fez um empréstimo de 300 mil dólares para começar o negócio. Atualmente, a pizzaria conta com quatro funcionários, além deles dois: dois chefs voluntários e dois funcionários com deficiências. Futuramente, Gloshinski pretende criar planos de pensão e férias pagas para a equipe.

A pizzaria tem recebido um retorno bastante positivo da comunidade. Gloshinski já foi forçado a fechar o estabelecimento mais cedo depois que as massas de pizza acabaram numa noite que uma multidão de pessoas apareceram para jantar.

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar