Neozelandeses entregam voluntariamente suas armas após massacre

Dez dias após o ataque terrorista a tiros que vitimou 50 pessoas em Christchurch, muitos donos de armas de fogo têm entregado, voluntariamente, seus armamentos e munições à polícia da Nova Zelândia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Brenton Tarrant, nascido na Austrália, assassino que covardemente abriu fogo contra centenas de pessoas em duas mesquitas foi preso e acusado de homicídio. Durante o atentado, ele portava cinco armas legalmente registradas.

Neozelandeses entregam voluntariamente suas armas após massacre
Muitos donos de armas na Nova Zelândia estão entregando seus armamentos após o ataque a tiros de sexta-feira (15) em Christchurch.

De forma a endurecer a legislação e o controle de armas, o governo social-democrata da primeira-ministra Jacinda Ardern iniciou um processo para enrijecer a facilidade de se portar uma arma de fogo e acabar com a possibilidade de se ter múltiplas armas em casa, especialmente as semiautomáticas.

Leia tambémGangues de motoqueiros fazem guarda das mesquitas atacadas na Nova Zelândia

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A população neozelandesa, estimada em 4,8 milhões de pessoas, é considerada uma das mais progressistas e pacifistas do planeta.

Faz cerca de três dias que a polícia têm notado um grande volume de cidadãos se dirigindo às delegacias locais para entregarem seus armamentos. Os policiais e demais autoridades aconselham a população a entrar em contato com a delegacia de polícia mais próxima para se informar como transportar suas armas em segurança.

De acordo com o governo neozelandês, existem cerca de 1,1 milhão de armas de fogo no país – isto é, há 1 arma para cada 4 habitantes, a incluir no cálculos armamentos para caça.

Leia tambémPessoas do mundo todo estão deixando flores em mesquitas após atentado

Compartilhe o post com seus amigos!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Revista Exame
Foto destacada: Reprodução / Jorge Silva

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,755,527SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

USP abre inscrições para curso voltado para o cuidado com a Síndrome de Down

A Universidade de São Paulo (USP) abriu inscrições, até o dia 26 de agosto, para o curso a distância de atualização profissional para o...

Homem arrisca a vida para salvar cachorra do vizinho que estava em alagamento

Você se dá bem com seu vizinho? Tem gente que tem sorte, outros nem tanta, mas outros, tem muita sorte! Como é o caso...

Convento no centro de São Paulo abre suas portas para receber moradores de rua durante a noite

Com certeza, por existir desde 1642, o Convento São Francisco tem muitas memórias e histórias para contar. E este mês mais uma, e de um gesto...

A música como ferramenta de inclusão social de deficientes é tema de exposição em SP

A expo “SOBRE TOCAR”, em cartaz no Armazém Piola, na Vila Madalena, desde o dia 28 de outubro, reúne imagens feitas pela fotógrafa Ilana...

Noivo interrompe casamento para declarar seu amor de pai pela enteada

As montanhas da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, foram o cenário escolhido por Brian Scott e Whitney Kay realizarem o casamento de seus...

Instagram