Com o poder do toque, NIVEA apoia ONGS que transformam vidas de pessoas esquecidas ou pouco lembradas

Você já parou para pensar no poder do toque? Bem mais do que um simples contato físico, a própria Ciência prova que o toque, como um abraço, traz inúmeros benefícios para a nossa saúde física, emocional e social.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Neste momento de retomada da vida pré-pandemia, o toque se tornou imprescindível e mais urgente do que nunca, não é mesmo? Principalmente para milhares de pessoas que vivem em algum tipo de situação de vulnerabilidade.

Sabendo disso, NIVEA apoia projetos que beneficiam idosos e cuidadores, pessoas LGBTQIA+ e mulheres negras de regiões de periferia. Ao lado de ONGs e instituições que apoiam cada um desses pilares: AACD, ABGLT, Preta Hub, Asilo São Vicente, Velho Amigo, TODXS e DAS PRETAS.

Olha só!

Idosos e cuidadores

No Brasil, mais de 2 milhões de idosos possuem algum tipo de doença mental degenerativa e o sentimento de solidão pode aumentar em 40% a probabilidade do desenvolvimento desse quadro clínico.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nesse processo, os cuidadores acabam sofrendo muito: 35% apresentam mais risco de sintomas de ansiedade e cinco vezes mais chance de depressão. NIVEA também olha para esses profissionais, que se dedicam para garantir aos idosos uma vida digna e com autoestima.

Pessoas LGBTQIA+

Além de situações de abandono e falta de apoio pelas próprias famílias, as estatísticas dessa comunidade geram um alerta importante. O Brasil é o país com o maior registro de assassinatos de pessoas LGBTQIA+ no mundo, um a cada 19 horas. E a expectativa de vida de mulheres trans e travestis é de 34 anos, no Brasil, sendo que a média nacional é de 74 anos.

NIVEA apoia iniciativas desenvolvidas por organizações e coletivos LGBTQIA+ com foco na comunidade trans, principalmente, como projetos e casas de acolhimento que recuperam a dignidade e a segurança das pessoas.

Mulheres negras da periferia

Cerca de 54% da população brasileira é formada por pessoas pretas ou pardas – deste total, 28% são mulheres, representando o maior grupo demográfico do país. Com perfil de mobilização local, elas são o suporte da comunidade, acolhem e tocam a vida das pessoas ao seu redor. Cuidam da família, dos vizinhos e da comunidade como um todo e trabalham muito para garantir o sustento da casa.

NIVEA desenvolve o talento de mulheres negras por meio de organizações que estimulam formações em trabalhos manuais, levando conteúdo e ferramentas de empoderamento profissional, social e psicológico por meio de treinamentos, capacitação e oficinas. A geração de renda para essas mulheres é uma necessidade urgente para que continuem cuidando de suas famílias e comunidades.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Até 2025, mais de 5 mil pessoas serão impactadas com os projetos apoiados, por meio de ações que tragam o toque como agente de cuidado e transformação.

Em breve, traremos algumas dessas histórias para dividir com você! 🤗

Enquanto isso, dá uma passadinha no site da NIVEA e conheça um pouco mais sobre o trabalho incrível de cada uma das instituições apoiadas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,256,096SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Azul ajuda mulheres no tratamento do câncer de mama com passagens aéreas gratuitas

Com o projeto Conexão Azul Rosa, mulheres são beneficiadas com passagens aéreas para a realização de cirurgias e exames.

Projeto fotográfico trabalha empoderamento e empreendedorismo de mulheres

Através da fotografia e técnicas de coaching, mulheres que esqueceram-se de si mesmas começam a despertar. 

Hugh Jackman publica vídeo experimentando pingado em São Paulo

O ator Hugh Jackman já apareceu aqui no Razões algumas vezes, por sempre mostrar simpatia e carisma, pois ele está no Brasil, e em...

Estudantes suíços criam cadeira de rodas capaz de subir escadas

Infelizmente a estrutura dos estabelecimentos comerciais e calçadas em geral ainda não estão totalmente adaptadas para pessoas cadeirantes, onde as escadas se mostram um...

Menina de 10 anos pinta quadros incríveis e doa todo dinheiro das vendas para a caridade

Daisy Watt vem sendo chamada de "mini Monet" por conseguir pintar quadros incríveis e muito valorizados por especialistas em arte. Hoje, com 10 anos, Daisy...

Instagram