Nobel da Paz sai para a paquistanesa Malala e o indiano Kailash Satyarthi

A paquistanesa Malala Yousafzai, de 17 anos, e o indiano Kailash Satyarthi venceram o Prêmio Nobel da Paz, anunciou hoje (10) a Academia Sueca.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A ativista paquistanesa é a mais jovem entre os favoritos a receber o prêmio. Kailash Satyarthi, 50 anos, é um indiano que luta contra o trabalho infantil.

Malala tornou-se um símbolo reconhecido internacionalmente de resistência aos esforços dos talibãs em negar educação e outros direitos às mulheres. Kailash Satyarthi é um dos promotores da Marcha contra o Trabalho Infantil e já resgatou mais de 60 mil crianças trabalhadoras e também adultos mantidos sob regime de escravidão.

Se você não sabe quem é Malala, por favor, assista ao vídeo abaixo, que conta um pouco da sua curta, mas já extraordinária história de vida (ativem a legenda):

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Aproveite também e veja o discurso que Malala fez em uma convenção da ONU, onde ela defende a educação como grande propulsora de mudança no mundo:

“Vamos pegar nossos livros e canetas, eles são nossas armas mais poderosas. Uma criança, um professor, um livro e um professor podem mudar o mundo. Educação é a solução.”

_68703870_68703869

Na foto de capa: Olivia Harris/Reuters; Adnan Abidi/Reuters

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,765,320SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Maior atleta paralímpico do Brasil, Daniel Dias é nomeado membro da Academia Laureus

Às vésperas das Paralimpíadas de Tóquio, a Academia Laureus anunciou que o nadador paratleta brasileiro Daniel Dias foi nomeado como um de seus embaixadores....

Pedreiro desempregado encontra 8 mil reais em envelope e não pensa duas vezes em devolver ao dono

Edson Rocha, de 49 anos, trabalha como pedreiro, mas atualmente está desempregado. O que não o impediu de manter seus princípios éticos diante de...

Jovem reconhece mulher que a ajudou quando criança e cuida dela em hospital

A Dani reconheceu a Renata assim que ela entrou no quarto do hospital. Juntamente com a mãe, a Dani cuidou todos os dias da mulher que tinha acabado de fazer um parto de cesária.

Coronavírus ‘sela paz’ entre palestinos e israelenses: saúde é prioridade máxima!

Há anos o mundo não via um encontro pacífico entre palestinos e israelenses. A Autoridade Palestina e Israel sentaram na mesma mesa para firmar...

Instagram