Noiva narra o próprio casamento em língua de sinais para incluir amigos surdos, em MG

A cerimônia de casamento de Kéziah Costa, de 27 anos, e Luan Wagner, de 21, foi totalmente celebrada em Libras (Língua Brasileira de Sinais Libras).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Tudo para que os amigos surdos do casal pudessem participar da mesma maneira que os outros convidados. “O casamento foi planejado para ser acessível para ouvintes, surdos e ao meu amigo surdocego”, contou Kéziah.

O casamento aconteceu no último sábado (11) em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

noiva celebra casamento em libras para incluir amigos surdos

Fotos da cerimônia, realizada na Igreja Cristã Maranata, viralizaram nas redes sociais e comoveram os internautas, que elogiaram a escolha do casal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar) em

Leia também: Padre celebra casamento em Libras e emociona casal de surdos: “anjo da guarda”

Kéziah se tornou recentemente professora da Língua Brasileira de Sinais graças à Comissão de Assistência aos Surdos e aos Surdocegos, departamento especial da sua igreja que inclui pessoas com deficiência auditiva no corpo eclesiástico.

noiva celebra casamento em libras para incluir amigos surdos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ter a libras no nosso casamento era uma forma de orgulho, para demonstrar aos nossos amigos surdos que eles têm o mesmo direito e estão no mesmo patamar”, afirmou a noiva.

Ela até tentou segurar a emoção, mas acabou cedendo ao ver que a cerimônia trouxe acessibilidade total a todos os seus convidados.

“Quando começou os louvores, eu disse para meu noivo que cantaria em libras com eles. Ele falou ‘então me dá o buquê’, não daria para cantar com a mão ocupada”, relembra.

noiva celebra casamento em libras para incluir amigos surdos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Para nós, a língua de sinais não é inferior à língua oral. Já convivemos com ela no nosso dia a dia e entendemos que as duas têm o mesmo nível. De forma alguma isso prejudicaria a cerimônia, só valorizou, porque todos ali estavam incluídos e isso era nosso desejo. Havia uma equipe de intérpretes que trabalharam voluntariamente, pois é o modo de trabalho que já fazemos”, afirma.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: R7/Fotos: Reprodução/Danilo Carlos da Silva

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,786,495SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Em Campo Grande, estilista cria coleção de saias masculinas maravilhosas

Vai ter homem de saia sim! Com origem na Escócia, com o famoso kilt escocês, a tendência só cresce entre os homens que cada vez...

Nos EUA, motoristas podem pagar multas com alimentos para necessitados

O departamento de polícia de Ohio, nos Estados Unidos, passou a permitir a doação de alimentos como pagamento de multas de estacionamento atrasadas. Essa iniciativa...

Casal de músicos cegos se apresenta no escuro e público tem olhos vendados para vivenciar a sua realidade

A turnê do duo de músicos cegos rendeu o primeiro DVD cego da história, já que as imagens foram registradas no escuro para que o público vivenciasse a realidade de um deficiente visual.

Virada Sustentável de SP traz centenas de atrações gratuitas com foco em bem estar e meio ambiente

Já começou a 7ª edição da Virada Sustentável em São Paulo, que acontece até o dia 27 de agosto em diversos pontos importantes da...

Após food truck, Jaden Smith abrirá restaurante de comida vegana gratuita para desabrigados

Ele não para! Depois do food truck de comida vegana gratuita para moradores em situação de rua, Jaden Smith deu o próximo passo: resolveu...

Instagram