O buffet francês que só contrata refugiados para cozinhar pratos típicos de seus países

Por Débora Spitzcovsky

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quase 20 mil. Esse é o número de refugiados que chegaram à França apenas em 2015, segundo o The New York Times. São homens, mulheres e crianças do Oriente Médio e da África que arriscaram suas vidas e atravessaram o oceano para fugir da violência dos conflitos armados que acontecem nas regiões onde moram – seja por motivos políticos, étnicos e/ou religiosos.

Retomar suas vidas quando chegam em “terra segura”, no entanto, não é facil. Faltamoportunidades. Ou faltavam, no que depender do buffet Les Cuistots Migrateurs (Os Cozinheiros Imigrantes, em português).

Fundada pelos chefs franceses Louis Jacquot e Sébastien Prunier, a empresa contrata apenas refugiados para trabalhar na cozinha. No cardápio, só comidas típicas dos países onde viviam. Assim, além de oferecer emprego, o buffet dá a essas pessoas a oportunidade de matar um pouquinho a saudade de casa e mostrar sua cultura ao povo francês – para, quem sabe, acabar com a xenofobia.

Por enquanto, o quadro de funcionários da Les Cuistots Migrateurs conta com sete chefs –de países como Etiópia, Sri Lanka e Síria -, que já serviram em dezenas de eventos franceses. O sucesso é tamanho que o Les Cuistots Migrateurs já tem até um foodtruck em Paris que vende aperitivos típicos da Síria.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Um pinguinho de oportunidade em meio a tanta desumanidade!

Texto originalmente publicado aqui.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Ela viu na reciclagem a chance para mudar de vida: conheça a história da Katinha (SP)

“Hoje, com a reciclagem, consegui comprar a minha casa”. Conheça a história da nossa querida Kátia Regiane, de São Paulo (SP), que há 12...

Coca-Cola transforma carroças dos catadores de latinha em trenós cheios de presentes

Várias vezes mostramos campanhas da Coca-Cola fazendo o que ela melhor sabe fazer: nos emocionar. Com esta ação não foi diferente, eles me convidaram...

Tucano que quebrou o bico em acidente recebe prótese 3D e volta a comer sem dor

Um tucano que quebrou o bico após um acidente ganhou uma prótese feita por uma impressora 3D e agora poderá retornar à natureza. Graças ao...

Amigas fazem vaquinha e compram IPads para idosos de asilos falarem com seus familiares

Duas amigas compraram iPads para idosos que vivem em casas de repouso poderem conversar com seus familiares durante a pandemia de coronavírus. Tudo começou com...

Piauí terá o maior parque solar da América do Sul

Um importante parque solar sendo construído no Piauí. De acordo com a Enel, empresa responsável pelo empreendimento, esse será o maior parque solar da...

Instagram

O buffet francês que só contrata refugiados para cozinhar pratos típicos de seus países 4