O remédio que sobrou na sua casa pode ajudar outras pessoas, conheça a iniciativa Banco de Remédios

Sabemos que remédios específicos para algumas doenças podem custar muito caro, pois nem sempre a distribuição gratuita do governo consegue suprir toda a demanda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas uma inciativa simples (e genial!) feita por Dámaso Macmillan tem se mostrado uma alternativa importante para sanar essa situação, ele criou o Banco de Remédiosuma associação que reúne, classifica e redistribui remédios não mais utilizados, com data de validade preservada. O serviço também é uma saída para doação de medicamentos ociosos, cujo descarte invariavelmente é a lata do lixo.

A ideia da ONG surgiu depois que o próprio Dámaso passou por um transplante de rim e sentiu na pele a dificuldade de conseguir medicamentos caros, felizmente hoje em dia ele não depende mais da medicação especializada. Mas, mesmo assim, percebeu que muitos pacientes como ele deixavam sobrar nas caixas cartelas com dezenas de comprimidos em boas condições de uso. A partir daí, começou a reunir as sobras em uma espécie de farmácia informal gratuita. 

Foi assim que criou o Banco de Remédios, que tem o objetivo de encaminhar remédios a pessoas cadastradas na associação e portadoras de receita médica.

Para receber um remédio, é preciso estar cadastrado na associação e pagar a constribuição mensal de R$ 20, valor que cobre os custos de funcionamento da entidade, que Dámaso optou que não tivesse nenhum vínculo com o governo, como forma de manter-se isenta e autônoma.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

banco_remedios

Foto: Gabriela Di Bella/JCG

banco-de-imagens2013-10-22 15.30.53

Leia a matéria completa aqui. /Foto da capa: Lara Ely / Agência RBS

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,282,832SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Aposentada leva terapia do abraço à Cracolândia

Os passos curtos conduzem Maria Albertina França, 70 anos, pela rua Gusmões, um dos epicentros da zona paulistana conhecida como Cracolândia. O caminhar lento...

Google coloca no mercado colher que diminui o tremor das mãos de pacientes com Parkinson

Um ato que para todos é quase automático, para pessoas com Parkinson pode ser um desafio, de alimentar sozinho com talheres. Os tremores que...

Idosa vai às lágrimas após ter de volta carteira perdida com dinheiro para pagar medicamentos e contas

O caso aconteceu na cidade de Apucarana, na região norte do Paraná. A aposentada perdeu sua carteira com R$ 1,3 mil em um supermercado...

Após ser abandonada no altar, noiva doa sua festa para mulheres e crianças de um abrigo

Quando algo não dá certo na vida temos duas opções: deixar que isso nos derrube ou enfrentar da forma mais positiva possível. Foi exatamente o...

Mulheres Guerreiras: série conta histórias de mulheres que marcaram a humanidade

O lugar das mulheres nos livros de história não está à altura das suas contribuições para as mais variadas áreas e que transformaram o...

Instagram

O remédio que sobrou na sua casa pode ajudar outras pessoas, conheça a iniciativa Banco de Remédios 2