ONG ajuda escolas de ensino especial com consultorias de gestão e reformas totalmente grátis

Estima-se que 15%, ou 24.600.256 (IBGE 2000), das pessoas no Brasil apresentam algum tipo de deficiência, seja ela física, auditiva, visual ou intelectual. Boa parte deste público tem acesso limitado à educação, ao mercado de trabalho e às relações sociais além daquelas mantidas com familiares. Apesar de suas diferenças e limitações, essas pessoas devem ter assegurado seu direito à educação de maior qualidade, que possibilite uma melhor inserção social e profissional.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Trata-se de entender que a verdadeira igualdade consiste em se tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais, na justa medida da desigualdade.” (MEC, 2007).

ong-escola-especial-1

A ideia nasceu no final de 2008, ainda na Universidade, quando Luiz Hamilton e mais 2 colegas, Alexandre Amorim e Diego Tutumi, cursando empreendedorismo, fizeram um trabalho onde tinham que montar uma organização. Um de seus colegas tem uma irmã com deficiência, e foi com inspiração nela que criaram a ASID – Ação Social para Igualdade das Diferenças.

A Educação Especial no Brasil é realizada, em grande parte, por escolas especiais gratuitas. Devido à falta de recursos, muitas vezes o ensino é de baixa qualidade e há um alto número de famílias esperando por vagas nessas escolas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Visto isso e através de uma extensa pesquisa, a ASID diagnosticou que a causa central deste quadro é a administração desestruturada destas instituições. E é exatamente nesta parte que a ASID se insere, ela busca a reversão desse quadro realizando consultorias de gestão grátis para essas instituições com o apoio de diversas outras empresas.

Hoje eles possuem também um projeto que visa contribuir com a reforma de escolas, resolvendo problemas de infraestrutura, seja revitalizando a fachada, ampliando salas de aula ou ainda criando espaços para hortas e paisagismo dentro das instituições. Você também pode ajudar este projeto acessando o site da ASID.

RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA RENATO STOCKLER/ NA LATA

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,569,612SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

“Tá na Cara que eu quero Emprego”: desempregados colocam função na máscara e são contratados

A ideia é simples e genial ao mesmo tempo, do tipo: como não pensaram nisso antes? As pessoas colocam a sua profissão escrita na...

Startup chilena lança ‘Delivery de Sabão’: recarrega embalagens para evitar lixo

Cada vez que o consumidor recarrega a embalagem, recebe uma recompensa em pesos (moeda local) que pode ser usada para pagar pelo produto ou acumulado para compras futuras.

Filha esconde por três anos que faz doutorado para surpreender a mãe guerreira no dia da formatura

Tem filhas que fazem surpresas para as mães e tem a Loida Guillen! Sabendo toda a história de sofrimento e dificuldades que a dona...

Bike Sem Barreiras oferece passeios com bicicletas adaptadas no RJ

Projeto permite que pessoas com baixa ou nenhuma mobilidade possam curtir, gratuitamente, uma volta de bicicleta em modelos adaptados. Rola todo domingo, das 9h às 12h.

As máscaras transparentes que facilitam a comunicação e permitem mostrar sorrisos

Com a pandemia do coronavírus, o uso de máscaras acabou tornando-se uma prática comum, afinal, esta alternativa simples se mostrou altamente eficaz e pode...

Instagram