Com foco no acolhimento, ONG orienta pessoas trans que desejam fazer retificação de nome e gênero nos documentos (SP)

0
739
pessoas trans sorrindo segurando certidão de nascimento com retificação de nome e gênero

A falta de informação acessível e o medo do julgamento durante o processo são algumas das barreiras que dificultam ou impedem o acesso de pessoas trans e travestis à retificação de nome e gênero nos documentos oficiais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A Casa Neon Cunha, organização não governamental que oferece serviços de assistência à população LGBTQIA+ em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, atua para transformar essa realidade, orientando, mas, sobretudo, acolhendo (!) essas pessoas. 

A instituição, inclusive, se dispõe a pagar taxas para aqueles que não possuem condições financeiras de arcar com os custos envolvidos. “Para além do processo, é um sonho dessas pessoas: autoreconhecimento por completo”, afirma Paulo Araújo, fundador e presidente da ONG.

A felicidade de quem realizou um sonho 😍

homem trans sorrindo segurando certidão de nascimento com retificação de nome e gênero
Foto: Reprodução/Instagram @casaneoncunha

mulher trans sorrindo segurando certidão de nascimento com retificação de nome e gênero
Foto: Reprodução/Instagram @casaneoncunha

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sonho sonhado junto

Realizar retificações é uma das atividades que Paulo mais gosta de fazer. Ao fim de cada processo, sente-se reenergizado e motivado a fazer mais, e mais!

“Eu acredito que a retificação é um processo humanizador que contribui para que as pessoas possam seguir em frente como desejam ser reconhecidas em nome e gênero. A gente sabe o quanto é difícil sobreviver numa sociedade machista, misógina e lgbtfóbica. Então, ajudar as pessoas a conseguir realizar esse sonho, é algo incrível!”, afirma Paulo.

Com foco no acolhimento, ONG orienta pessoas trans que desejam fazer retificação de nome e gênero nos documentos (SP) 2
Paulo é ativista do movimento LGBTQIA+ há seis anos. Foto: Reprodução/Instagram @casaneoncunha

Parceria com NIVEA

A ONG é uma das instituições apoiadas pelo projeto Toque Que Transforma, de NIVEA, que vem transformando vidas de pessoas esquecidas ou pouco lembradas.

A marca, em parceria com a ONG, ofereceu um curso de autonomia e autocuidado, incluindo oficina de manicure e atendimento psicológico, para população LGBTQIA+ em situação de rua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com foco no acolhimento, ONG orienta pessoas trans que desejam fazer retificação de nome e gênero nos documentos (SP) 3
Oficina de manicure oferecida em parceria com NIVEA. Foto: Reprodução/Instagram @casaneoncunha

“Muito mais do que essencial e necessário, é importante saber que as marcas têm essa preocupação. Saber que essas empresas têm esse toque pessoal, essa humanidade, de promover a dignidade dessas pessoas, é super importante. Acredito que são essas iniciativas que contribuem para um lugar melhor pra gente”, afirma o presidente da ONG.

Saiba mais sobre a ONG Casa Neon Cunha e apoie também clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.