Médico reconstrói mama de pacientes de graça e devolve auto estima

0
2000

No mundo atual, o câncer de mama é o segundo tipo da doença mais frequente e é o mais comum entre as mulheres. Só no Brasil, a taxa de mortalidade média atinge 60%. A taxa de mortalidade do câncer de mama no Brasil justifica-se, muitas vezes, pelo diagnóstico tardio que impacta drasticamente na sobrevida da mulher. O diagnóstico precoce pode evitar a necessidade de interferências mais drásticas, como a mastectomia radical, a retirada total da mama.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No Brasil, a reconstrução mamária, além de fundamental, é um direito da mulher que melhora sua qualidade de vida e resgata sua autoestima. A lei 12.802/2013 foi sancionada para garantir que todas as mulheres submetidas à mastectomia radical tenham acesso à reconstrução mamária pelo SUS, Sistema Único de Saúde, porém a realidade triste é que de todas as mulheres que se submetem a este procedimento, somente 10% saem dos centros cirúrgicos com os seios reconstruídos.

Foi pensando neste grande problema que, desde 2011, o Dr. Henrique Muller promove o Mutirão da Reconstrução Mamária em Florianópolis-SC. Uma ação que visa garantir que mais pacientes tenham acesso à cirurgia de reconstrução mamária, realizando o procedimento de forma gratuita a alguns pacientes.

cancer-mama-1

Esta ação conta com o apoio da Associação Brasileira de Portadores de Câncer (AMUCC) e da farmacêutica Allergan, que fornece implantes mamários de silicone por meio de doação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.