Esse pai teve a melhor atitude quando sua filha disse que carrinho é coisa de menino

Pode até parecer que não, mas quando somos crianças muitas coisas nos marcam para sempre. Não somente os acontecimentos, mas as coisas que ouvimos. Por isso deve-se ter um cuidado imenso com o que falamos e o que ensinamos para as crianças, pois sem saber podemos estar definindo e criando conceitos que não levam a lugar nenhum e podem estar carregados de preconceitos. Fábio Chap é pai de uma menina e conta que comprou um caderno para a sua filha, com a capa de carrinhos e que a primeira reação da garota foi dizer que não gostava, pois carrinho era coisa de menino. Foi então que ele teve a melhor reação de todas e fez a história mudar o rumo completamente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele disse para a filha:

“- Filha, com o que eu te busco lá na casa da mamãe?
– Com o carro.
– Como eu te levo de volta pra lá?
– De carro
– De que você vai viajar quando vai pra praia?
– De carro
– Como você vai pra escola todo dia?
– De carro
– Tá vendo como você usa bastante o carro? Eu acho que você gosta, sim, de carro e de carrinho. Você só ainda não sabia.”

Leia também: “Sou feminista e comprei um fogãozinho para minha filha”

“Eis que ela deu um semi sorriso, abriu o caderno e começou a desenhar nele sem parar. Em 2 dias ela cometeu a façanha de desenhar em to-das as folhas. Fiquei feliz com a reação dela.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E porque eu acho que meu argumento deu certo:

Ao invés de citar conceitos que entram num ouvido de uma criança e saem no outro:

– Ah, todo brinquedo é de menino e de menina.
– Você pode gostar de carrinhos se quiser.

O que não seriam frases erradas, mas pouco compreendidas pelas crianças. É mais fácil – e assimilável – dar um sentido prático praquela dúvida dela.”

Afinal, não devemos recriar conceitos que nós acreditamos em nossos filhos, mas estarmos atentos para criarmos adultos que pensam por si só e criem seus próprios conceitos! Veja a postagem original de Fábio Chap abaixo:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Às vezes, na ânsia de ensinarmos aos nossos filhos os nossos conceitos modernos de sociedade (seja quais forem eles), a gente cai em explicações – e frases feitas – que eles não entendem. Ou que fazem pouco sentido na cabeça deles.”

Foto: reprodução Facebook Fábio Chap

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,842,344SeguidoresSeguir
24,832SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Projeto traz palavras divertidas e animadoras às balinhas de semáforo

As palavras podem mudar o mundo, são elas que nos incentivam a mudar, nos inspiram, nos fazem rir e nos dá aquela injeção de...

Que tal transformar seu óleo de cozinha usado em biocombustível?

Agora existe algo melhor que você pode fazer com o óleo usado de cozinha em vez de reciclá-lo ou ainda jogá-lo pelo ralo. A...

Hospital faz sessões semanais de cinema para ajudar pacientes com câncer

Passar por um tratamento de câncer não é nada fácil física e emocionalmente. Mas cada vez mais, os hospitais aceitam alternativas para tornar esse...

As casas sustentáveis (feitas em 1 dia por pessoas não especializadas) que estão abrigando refugiados na Itália

A situação dos refugiados no planeta é seríssima. Pipocam mundo afora diversas iniciativas que buscam ajudá-los – como o campo para refugiados 100% abastecido por energia solar e casas...

Pais estimulam filho a preencher o álbum de figurinhas da Copa sozinho

Os pais do garoto viram no álbum de figurinhas da Copa uma oportunidade para ensinar ao filho planejar suas conquistas desde cedo.

Instagram

Esse pai teve a melhor atitude quando sua filha disse que carrinho é coisa de menino 3