Pai autista se emociona no casamento da filha e chora de alegria; veja as fotos

Para muitos pais, poucos momentos da vida podem ser mais emocionantes do que compartilhar uma valsa com a filha no dia do seu casamento.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O orgulho em saber que sua filha cresceu e se tornou uma mulher madura e feliz é levemente agridoce pela lembrança vívida dela como uma menininha; uma época em que vestidos de noiva e votos de casamento ainda eram coisas distantes.

Para uma família de Brighton, na Inglaterra, esse momento se tornou especialmente memorável; uma breve janela no tempo que pai e filha valorizarão para sempre!

Pai autista casamento da filha chora de alegria

A recém-casada Hayley Elliott sempre soube que seu pai, Martin, era “diferente”. No entanto, ela não sabia exatamente o porquê até ele ser diagnosticado com autismo há apenas cinco anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Décadas antes, quando mais jovem, Martin também havia sido diagnosticado com esquizofrenia, o que significa que ele não recebeu a ajuda necessária durante a maior parte de sua vida.

Pai autista casamento da filha chora de alegria

Infelizmente, este caso não é tão incomum quanto imaginamos. O diagnóstico incorreto ou tardio acontece até com certa frequência, pois os sintomas do autismo se manifestam de maneira diferente de pessoa para pessoa.

Um diagnóstico exato pode ajudar um indivíduo a lidar com o transtorno e a se entender melhor ao longo da infância e adolescência, período fundamental do desenvolvimento. No entanto, quando descoberto tardiamente, pode ser um choque para a família.

Muitas vezes, essa pessoa pode passar anos, décadas, sem que sua família e amigos saibam que ela tem autismo. Ela acaba aprendendo ao longo do tempo a ‘se misturar’ e encobrir certos aspectos reveladores de sua identidade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pai autista casamento da filha chora de alegria

De acordo com um artigo de 2017 do periódico científico Journal Of Autism And Developmental Disorders, adultos com o Transtorno do Espectro Autista (TEA) geralmente ‘camuflam’ características autísticas em ambientes públicos como um mecanismo de enfrentamento social.

As motivações por trás da camuflagem incluem o desejo de encaixar-se socialmente ou melhorar as conexões com os outros. Entretanto, essa estratégia pode ter efeitos a curto e longo prazos, pois demanda muita energia. Em outras palavras, cansa, exaure, estressa a pessoa.

Apesar de ser um indivíduo profundamente carinhoso, generoso e compassivo, Martin lutou e escondeu o quanto pôde seu lado emocional; por outro lado, tentava expressar seus sentimentos através da música e contando piadas bobas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pai autista casamento da filha chora de alegria

No dia do casamento, Martin decidiu apenas se soltar. Extravasou.

O fotógrafo Peyton Izzie, responsável por cobrir o casamento de Hayley, conseguiu capturar uma foto em preto e branco perfeitamente sincronizada da valsa de Martin com sua filha. Nela, é possível vê-lo enxugando uma lágrima alegre no rosto.

Hayley raramente via o pai expressando uma emoção abertamente, e vê-lo derramar uma lágrima trouxe um significado adicional àquela valsa e ao casamento.

Compartilhando a foto no Facebook, Hayley descreveu-a como uma ‘imagem que irei apreciar pelo resto da minha vida’. O post viralizou, sendo compartilhado milhares de vezes no Facebook.

A noiva confidencia que ficou impressionada com o “quão profundamente a imagem ressoou nas pessoas”.

Pai autista casamento da filha chora de alegria

Ela conta também que ainda “está em choque” com o grande número de curtidas que seu post recebeu: “Todo mundo foi tão maravilhoso e os comentários foram tão gentis! Meu pai está um pouco preocupado com o que as pessoas pensam dele, pois não gosta que outros saibam que ele é autista. É difícil para ele, pois ele pensa que as pessoas vão pensar que ele é estúpido ou citá-lo como ‘atrasado’. Eu obviamente expliquei que esse não era o caso e que todo mundo achava muito emocionante, mas ele ainda não vê dessa maneira.”

Embora estar no espectro autista traga desafios, a noção de que pessoas com autismo são atrasadas intelectualmente é uma mentira, um mito que precisa ser quebrado.

Pai autista casamento da filha chora de alegria

‘Eu amo meu pai’

Muitas pessoas autistas terão habilidades intelectuais que variam do comum à genialidade, com várias delas se destacando em diversas áreas: da música à matemática e à arte.

“Meu pai sempre foi uma pessoa muito atenciosa e generosa, ele sempre se certifica de que eu tenho tudo o que preciso. A coisa mais importante para ele (além de mim e seu cachorro Tiny) é fazer as pessoas rirem”, afirma Hayley.

Pai autista casamento da filha chora de alegria

“Ele sempre usou a comédia como uma maneira de lidar com as coisas, mesmo que aquele momento não fosse provavelmente o melhor momento para contar uma piada. Obviamente, ele não percebe isso, mas sabemos que seu coração está no lugar certo. Ele adora música e também é voluntário em uma loja de caridade. Eu amo meu pai.”

Fonte: UNILAD/Fotos: Peyton Izzie/Hayley Chillingworth

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,256,096SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Idosos casados há 82 anos adoecem juntos e pedem para ficar internados no mesmo quarto em hospital do DF

Sebastiana Matos tem 101 anos e é casada com Francisco de Alencar, de 102, há "apenas" 82 anos. Uma vida inteira passada um na...

Comoventes retratos de crianças com seus queridos brinquedos e cobertores inseparáveis

A fotógrafa de Washington, Anna Ream, fez retratos de crianças segurando seus queridos brinquedos e cobertores para sua série chamada Comfort Objects (Em português:...

Nintendo leva jogos para crianças hospitalizadas e ajuda a amenizar internação

Ficar hospitalizado não é nada divertido. Quando se é uma criança, passar dias 'preso' em um quarto é pra lá de cansativo. Só que...

Morador ganha festa surpresa de vizinhos para comemorar um ano sem drogas

Há um ano, João Roberto Santana de Oliveira, conhecido como "Joãozinho", largou o vício de 13 anos em crack. Um dia ele deu descarga no que tinha...

Estudantes da UniNorte homenageiam motorista e cobradora de ônibus durante colação de grau

O motorista de ônibus Elivan da Silva Dutra e a cobradora Alcione Cardoso Guimarães foram homenageados pelos formandos do curso tecnólogo de Serviços Judiciários e...

Instagram