Pai com câncer terminal completa prova de triatlo para inspirar filha de 7 anos

Jay encarou o desafio do Ironman Triathlon porque queria provar para filha que ela é capaz de tudo. Só que ele deixou uma lição muito maior, que fala sobre respeito, determinação e dedicação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Aos 39 anos, ele já passou por 2 cirurgias cerebrais, 30 sessões de radiação e um ano de quimioterapia. Mas em nenhum momento encarou isso como obstáculo e concluiu a prova em menos de 14 horas!

pai encara prova de triatlo para inspirar a filha
Foto: Instagram

Ele afirma que a filha fez tudo valer a pena

A primeira vez que Jay viu uma prova do Ironman foi em 1989, na TV. Ele conta que na época achou impossível realizá-la. “Eles devem ser sobre-humanos“, pensou.

Só que quando a filha, Hero, nasceu em 2015, Jay começou a pensar na possibilidade de realizar a Ironman, pois queria provar para a garota que ela pode fazer qualquer coisa que quiser.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Já viu o Jornal do Razões? Assista! (Matéria continua abaixo)

pai encara prova de triatlo para inspirar a filha

A ideia era competir quando Hero tivesse uns 10 anos, mas um câncer no cérebro o fez adiantar esses em planos. Jay descobriu o tumor em 2018 e decidiu que faria a corrida assim que o médico o liberasse.

Meu primeiro dia de radioterapia e quimioterapia em agosto de 2019 foi o primeiro dia em que comecei meu treinamento de Ironman“, disse Jay.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Esse pai se preparou bastante desde então, mas precisou mudar os planos – mais uma vez – por causa da pandemia.

pai encara prova de triatlo para inspirar a filha
Foto: Instagram

Como a organização do evento cancelou a edição do Ironman de 2020, Jay entrou em contato com os organizadores, contou a sua história. A produtora sugeriu uma prova virtual onde o percurso seria na própria cidade dele, mas monitorado pelo pessoal do Ironman.

Pude projetar meu próprio percurso em minha cidade natal e traçar a linha de chegada de forma que ficasse bem na frente da minha garagem, o que eu sabia que me daria a sensação de voltar para casa que me levaria até o fim“, disse Jay.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A prova

Jay começou a sua prova em Back Bay, em Newport Beach, na Califórnia (EUA), com a prova de nado, onde percorreu cerca de 3,5 km. Depois pedalou 108 km e correu 67 km.

Durante a corrida Jay teve complicações. Por causa dos medicamentos que toma na quimioterapia, ele desenvolveu alguns problemas de estômago. Isso atrapalhou na digestão de nutrientes e líquidos, que são usados nesse tipo de prova.

Jay sentiu muita náusea, uma dor muito forte no estômago e acabou vomitando. Só que ainda assim não desistiu.

Quando ele dobrou a esquina para a linha de chegada após 13 horas e 40 minutos, havia centenas de pessoas torcendo por ele.

pai encara prova de triatlo para inspirar a filha

Jay disse que ver a filha naquele momento fez tudo valer a pena. “Minha filha e minha esposa estavam segurando aquela fita, então eu simplesmente foquei nelas pensando ‘Estou voltando para casa'”.

pai encara prova de triatlo para inspirar a filha

Jay então ajoelhou e fez questão de reafirmar a sua promessa para a filha. “Eu não tinha muita energia, mas dei um beijo em minha esposa, entreguei flores para minha esposa e filha e me ajoelhei para dizer a Hero: ‘Se eu posso fazer isso, você consegue. Sonhe grande e nunca perca a esperança.’ Eu tive que dizer a ela que foi muito difícil para mim, mas eu pensei em voltar para casa para ela, e que ela me deu forças para terminar. “

Fonte: Sunny Skyz

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Bombeiro à paisana salva família de afogamento após acidente de carro

Algumas profissões exigem nossa bravura até mesmo quando não estamos em serviço. É o caso de Masuku, um bombeiro e paramédico de 32 anos,...

Professor aposentado coloca fusca à venda e ex-alunos surpreendem, comprando o carro de volta

Marcelo Siqueira, 87 anos, é ex-professor e tem como relíquia um fusca 1972. Há um tempo, ele precisou colocar seu tão amado carro à...

Engenheira capixaba instala motor elétrico em Fusca e deixa de usar gasolina

A engenheira eletricista Aline Gonçalves Santos, moradora de Vila Velha (ES), conseguiu equipar um Fusca de 1971 com motor elétrico.

Pessoas que fazem, brasileiros na Gringa e Gente que Causa: Obviedades

Existem coisas que são tão óbvias que você precisa falar, pra ligar a luzinha na cabeça da pessoa e ela cair na real! Kkk...

Hambúrguer de caju criado no Ceará aproveita fibras da fruta antes descartadas

Uma excelente notícia para vegetarianos e veganos, ou para quem adora se deliciar com comidas diferentes, acaba de nascer o hámburguer de caju. Isso mesmo! Nas...

Instagram

Pai com câncer terminal completa prova de triatlo para inspirar filha de 7 anos 3