Pai e filho que dormiam na areia fria de praia compram casa com ajuda de vaquinha!

0
2167
homem em frente cartório segurando contrato compra casa

Aeeee, gente! Lembra do Renato e do João Pedro, pai e filho que dormiam debaixo de uma tenda de taipa na areia fria da Praia do Futuro, lá no Ceará?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Essa situação mexeu muito com todos nós: decidimos criar uma vaquinha na VOAA para o vendedor de lagostas e seu filho comprarem uma casinha!

Em menos de 24 horas, batemos a meta, que depois foi dobrada!

Na semana passada recebemos a notícia que todo mundo esperava: Renato foi ao cartório assinar o contrato da compra da casa e enviou fotos pra gente, olha só:

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por voaa – a vaquinha do razões (@voaa_vaquinhadorazoes) em

homem segurando escritura da casa em frente ao cartório
Foto: Arquivo Pessoal

Renato ainda vai fazer alguns ajustes na casa e logo menos ele enviará fotos e vídeos do novo lar. Mudamos o final de mais uma história, gente! EU AMO! 😍

A casa fica perto da praia, onde Renato faz a vida dele e está muito empolgado!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ele já sonha também em voltar a trabalhar na praia, levantar um pequeno capital pra voltar a comercializar na praia”.

Como eles foram parar na areia da praia?

Sem dinheiro para pagar o aluguel da casa onde moravam – a crise do coronavírus prejudicou as vendas de lagosta de Renato –, só restou essa opção para pai e filho.

E ali ficaram por dois longos meses, sem nenhumas condições de higiene.

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por voaa – a vaquinha do razões (@voaa_vaquinhadorazoes) em

Até que o casal Jasmine Magne e Kelton Bezerra conheceu a histórias deles.

“Conversando com o filho, ele contou que sentia frio ao dormir, mas que se agarrava no pai para tentar amenizar. Conseguimos uma kitnet de R$ 300 mensais. É bem pequena e não tem nada, fogão, geladeira, alimentos, roupas, nada, nada”.

Inicialmente, a vaquinha ajudaria a pagar o aluguel da kitnet e custear essas outras despesas.

Mas como vocês foram maravilhosos – de novo, né?! – dobramos a meta para tirá-los do aluguel, e conseguimos!

Mais de 1 mil apoiadores abraçaram o Renato e o João Pedro!

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por voaa – a vaquinha do razões (@voaa_vaquinhadorazoes) em

Seguimos acreditando!!

A equipe da VOAA apura todas as vaquinhas publicadas na plataforma. Acompanhamos as histórias antes, durante e após finalizar as campanhas em nossas redes sociais.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.