Pais fazem andador com canos de PVC e latinhas para filha com paralisia cerebral em SC

Os pais de uma criança em Tubarão, no sul de Santa Catarina, se inspiraram em um vídeo da internet para confeccionar um andador personalizado e sob medida para atender as necessidades da filha Olívia, de 3 anos, diagnosticada com paralisia cerebral.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Até então, eles haviam adquirido dois modelos para facilitar a rotina da menina e o desenvolvimento de sua parte motora, mas Olívia não conseguiu se adaptar a nenhum.

“Tentamos com o tradicional que tem rodinha, mas ela não se adaptou, porque ficava presa ali. Ela chorava muito e não conseguia sair do lugar. Também chegamos a comprar um outro, sem rodinha, semelhante ao tradicional, mas ela também não quis ficar”, comentou a mãe, Daiane Matias.

Pais fazem andador com canos de PVC e latinhas para filha com paralisia cerebral em SC

Curiosamente, o modelo perfeito que cativou a garotinha foi o criado pelo pai, Cléber José.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O andador dele, feito com tubos de PVC e latas de alumínio teve como referência um vídeo curto encontrado na internet. “Não deu trabalho. Com os canos já cortados, foi super fácil de fazer. Fiquei muito feliz, porque ela se adaptou melhor do que os andadores tradicionais”, afirmou.

Desde então, Olívia teme conseguido interagir com mais facilidade com os colegas de creche e a ter mais autonomia. “Antes ela via as crianças brincando no parquinho e não conseguia fazer isso. Sempre tinha que estar no colo de uma professora ou pedindo ajuda para ir até o lugar que queria”, disse a mãe.

“Nesse andador ela consegue ficar livre, se apoiar e empurrar conforme ela quer. Ela tem mais autonomia e deu muito certo, principalmente na creche, porque ela consegue brincar com as outras crianças e participar de todas as atividades”, complementou.

Desde o primeiro andador, feito para a filha, Cléber tem desenvolvido outros, inclusive para famílias necessitadas da região. “Ele acabou fazendo mais três andadores. Um para ficar aqui em casa, outro onde ele mora, um na creche e ainda um outro para uma criança que estava precisando”, contou Daiane.

Pais fazem andador com canos de PVC e latinhas para filha com paralisia cerebral em SC

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Parto prematuro

Em entrevista ao portal NSC, Daiane contou que a filha nasceu em um parto prematuro, com pouco mais de 1 kg e 29 semanas de gestação.

“Eu tive deslocamento de placenta, e tiveram que fazer uma cesária de emergência. Ela acabou nascendo em parada cardíaca, por conta disso teve uma lesão no cérebro. É um grau mais leve de paralisia cerebral, mas afetou a parte motora dela”, lembrou a mãe.

Atualmente, Olívia faz sessões de fisioterapia 3 vezes por semana e acompanhamento regular com neurologista. “Acreditamos muito que a Olivia vai andar. Ela já fica de pé. Então, resolvemos fazer esse andador para dar um incentivo, para ela se sentir mais segura e tentar andar”, completou Daiane.

Fonte: SCC10
Fotos: Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM










Pais fazem andador com canos de PVC e latinhas para filha com paralisia cerebral em SC 3

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,146,563SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Grupo que teve aulas com agricultor nota 980 na redação do Enem 2020 faz prova no Amapá: ‘melhorar de vida’

Milhares de estudantes encararam o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no interior do Amapá, enxergando na prova uma oportunidade de mudar suas vidas...

Homem pede para Alexa tocar Raça Negra e várias delas obedecem comando em condomínio no RJ

Tem coisa melhor do que acordar pela manhã ao som de Raça Negra? E que tal acordar o condomínio inteiro com as canções de Luiz...

Arquiteto cria empresa focada em projetos para a classe C a partir de 300 reais

Formado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), Márcio Barreto fundou a empresa Arquitetura do Barreto, especializada em projetos econômicos a partir de R$ 300 para...

Mulher transforma assassinos de leões em guardiões na África

Leela Hazzah em sua infância ouvia histórias de sua família quando dormiam no telhado ouvindo o rugido dos leões, porém, em sua época quando...

Mulher troca sua casa de quatro quartos por um apartamento pequeno para que uma família maior possa morar lá

Uma mulher de Dublin, de 70 anos de idade, abandonou voluntariamente sua casa de quatro quartos e mudou para um pequeno apartamento, para que uma...

Instagram

Pais fazem andador com canos de PVC e latinhas para filha com paralisia cerebral em SC 4