Pais estimulam filho a preencher o álbum de figurinhas da Copa sozinho

O quanto um simples álbum de figurinhas da Copa do Mundo pode ensinar as crianças sobre organização, perseverança e o valor de uma conquista planejada? Muita coisa, pelo menos é o que pensa os pais do garoto Davi Caczan, de 7 anos de idade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A Copa do Mundo da Rússia é a primeira Copa que Davi vai acompanhar e poder desfrutar. Na edição passada, no Brasil, ele tinha apenas 4 anos, então não sofreu com a goleada que a seleção brasileira tomou da Alemanha: o famigerado 7 x 1. Davi ainda pode sonhar com a sexta estrelinha na camisa da seleção.

Como toda criança apaixonada por futebol, ele quer chegar até a Copa com seu álbum de figurinhas dos jogadores das seleções participantes completinho. A graça de correr atrás das figurinhas está aí.

Davi é uma criança, ainda tem tempo para aprender a planejar as conquistas que tem pela frente. Porém, o pai do garoto, Felipe Caczan, viu no álbum de figurinhas uma oportunidade para ensinar ao filho desde cedo. Um dia desses, o garoto chegou em casa com o álbum rasgado, dobrado e com as figurinhas coladas tortas.

álbum figurinhas copa rasgado

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Demos a ele instruções básicas, do tipo: cuide de seu álbum e troque as figurinhas repetidas. Nada muito detalhado. Foi na escola, com os amiguinhos, que ele ‘aprendeu’ a “manha” de trocar as figurinhas. Deixamos bem claro que as repetidas eram para troca”, disse a mãe do garoto, Luciana Caczan, ao Razões para Acreditar.

Felipe acredita que os pais que, literalmente, correm atrás das figurinhas e mantém o álbum do filho em condições que a criança sozinha jamais seria capaz, uma atividade simples e, sobretudo, lúdica, perdem a oportunidade de formar adultos preparados para erros e insucessos.

menino álbum figurinhas copa“Numa pequena atividade como essa, vocês estão tirando de seus próprios filhos a chance de entenderem que, para ter êxito em algo, há uma série de etapas que precisam ser cumpridas, pensadas, planejadas”, escreveu Felipe na sua conta no Facebook.

Felipe publicou a foto de Davi no dia 1º de junho e, de lá para cá, a publicação viralizou, somando 83 mil curtidas, 32 mil compartilhamentos e 14 mil comentários, de pessoas que concordam e discordam da sua postura.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“A postagem foi completamente despretensiosa, mas tomou uma proporção enorme e muita gente compartilhou seus pensamentos, corroborou a ideia, acrescentou comentários e lições importantes. Estamos extraindo muito aprendizado disso tudo”, conta Felipe.

“Eu li muitos comentários de professores agradecendo. Vejo muitas crianças, adolescentes e adultos que acreditam que devem ser ouvidos. É a mesma situação quando um pai ou mãe chega no colégio do filho e começa a exigir privilégios “porque está pagando”. Quem nunca ouviu uma história dessas? Não penso assim e não quero que meus filhos sejam assim”, completa Luciana.

Os pais contam que Davi recebeu muito bem a conversa que eles tiveram sobre o álbum de figurinhas. O garoto compreendeu as instruções e os exemplos que Felipe e Luciana deram para ele – conversando, tudo se resolve, não é mesmo?

menino álbum figurinhas copa

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Davi tem muito trabalho pela frente, já que ainda resta colar 66 figurinhas, e não está fácil conseguir as que ele precisa para completar o álbum. “A maioria das trocas aconteceu na escola. Porém, chegou em um ponto que não dá para comprar sem que a maioria dos cromos seja repetida e, por isso, fui com ele em um ponto de troca no final de semana passada”, lembra Luciana.

“Estamos sempre acompanhando. Esse álbum foi a primeira experiência concreta dele como o universo de trocas, compra, venda etc. Então, decidimos fazer isso juntos, mas dando autonomia para ele poder interagir com as outras pessoas”, acrescentou o pai.

“Acredito que ele está aprendendo muitas coisas boas ao mesmo tempo. E nós também. Mas, a lição que eu mais quero que ele valorize é que é preciso perseverar para conquistar seus objetivos”, finaliza Felipe.

Fotos © Luciana e Felipe Caczan/Arquivo Pessoal – Reprodução Autorizada

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM







Pais estimulam filho a preencher o álbum de figurinhas da Copa sozinho 1

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,086,867SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vídeo inspira pessoas a doarem sangue e mostra quem são os verdadeiros heróis

A The Heart Corporation junto com a Johnson&Johnson lançam uma nova campanha para provar que o carinho tem poder de mudar o mundo. No...

ONG coordenada por musa de escola de samba doa 300 cestas básicas a famílias afetadas pela não realização do carnaval

Brasileiro gosta (e muito) de carnaval! Mas brasileiro também gosta de solidariedade? Ah, isso ele ama viu! Esta semana, o projeto social "Vila, um...

Pai criou campanha no Halloween para dizer às meninas que elas podem ser quem quiserem

O americano John Marcotte viu que as meninas têm poucas opções de fantasias para celebrar o Halloween. Ele chegou a essa conclusão enquanto comprava...

No hospital, paciente em tratamento contra o câncer realiza sonho de se casar

Um momento aguardado há 23 anos finalmente aconteceu na vida de Cristiane Moraes.

Instagram

Pais estimulam filho a preencher o álbum de figurinhas da Copa sozinho 2