Paletes biodegradáveis feitos de coco reciclado salvam mais de 200 milhões de árvores por ano

Os coqueiros são essenciais para a manutenção da vida na Índia peninsular. A população local utiliza-0 para quase tudo – seja na confecção de utensílios às invenções culinárias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Porém, apesar de ser imprescindível para essas comunidades, a matéria-prima dos coqueiros também gera uma grande quantidade de resíduos (conchas, cascas etc.) que acabam nas ruas ou no ar, graças à queima irregular para geração de energia. Trata-se de um problema sério.

Com o descaso do governo local, que nada fez para lidar com o problema, um projeto chamado CocoPallet surgiu para mudar a realidade dessas comunidades e o destino final dos cocos.

Fundada pelo empreendedor holandês Michiel Vos, a iniciativa é baseada numa tecnologia desenvolvida por cientistas da Universidade de Wageningen, na Holanda.

A CocoPallet faz paletes de transporte 100% orgânicos e biodegradáveis a partir da casca do coco, substituindo as de madeira convencional. O produto, além de ser mais barato e compacto, já garante que 200 milhões de árvores serão poupadas do corte por ano – e esse número só tende a aumentar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Paletes biodegradáveis de coco reciclado salvam mais de 200 milhões de árvores por ano
Foto: Divulgação / CocoPallet

A solução é sustentável e pode ser replicada em vários lugares que são ricos em cocos.

Leia tambémElectrolux cria curso profissionalizante e traz consciência para o desperdício de alimentos

Hoje, 1,7 bilhão de paletes de madeira são produzidos anualmente por exportadores asiáticos advindos do corte. Com a expansão da CocoPallet, estima-se que outras 200 milhões de árvores poderão ser salvas de destino semelhante nos próximos anos. O meio ambiente agradece.

Paletes biodegradáveis de coco reciclado salvam mais de 200 milhões de árvores por ano
Foto: Divulgação / CocoPallet

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com a empresa holandesa, quase 50% dos resíduos do coco são reciclados no processo de fabricação dos paletes, com a perspectiva de aumento do nível de eficiência futuramente.

A fabricação dos peletes não requer o uso de pesticidas ou produtos químicos nocivos, apenas fibras naturais e lignina, sem resinas sintéticas. Além disso, sua produção gera renda adicional para os agricultores locais da Índia.

Leia tambémFábrica da Electrolux em São Carlos reduz em 99% o envio de resíduos orgânicos para aterro

Compartilhe o post com seus amigos!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: UpSocial
Fotos: Divulgação / CocoPallet

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,413,626SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Bar de São Paulo vai transformar bitucas de cigarro em pranchas de surfe

Os clientes e entusiastas da ideia podem deixar os cigarros nos reservatórios espalhados pelo bar, que posteriormente serão destinados para reciclagem.

Santuário de cangurus protege bebês órfãos que perderam as mães atropeladas na Austrália

Na Austrália, os cangurus ganharam um importante aliado para a preservação da espécie. Desde 2005, o centro Alice Springs acolhe, alimenta e cuida de...

Garotinho contrata serenata para mãe e oferece bolinhas de gude como pagamento

Os sentimentos das crianças são tão nobres, que nem parecem reais. Um garotinho queria muito fazer uma serenata para a mãe, mas tudo o...

Veja o surfista profissional que usa sua experiência única para ajudar crianças autistas

Foi num dia de verão em 1969, quando Israel "Izzy" Paskowitz se apaixonou pelo surf. Ele tinha seis anos quando seu pai, o lendário...

Jovem de 15 anos visita vizinhos idosos todos os dias para ver se eles estão bem

“Eu só quero um instante para reconhecer esse doce amigo que mora do outro lado da rua dos meus pais”, escreveu a filha do casal em um post no Facebook.

Instagram